Chefão do tráfico no Morro do Alemão é preso na Bahia

    266

    O traficante carioca Silvano de Souza Britto, o “Irmão Metralha”,  39 anos, um dos líderes do tráfico de drogas do Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro, foi preso na manhã desta terça-feira (11) por equipes de policiais baianos e cariocas, no apartamento onde residia, no bairro da Pituba. Ele estava escondido havia pelo menos dois anos em Salvador, de onde continuava comandando o tráfico de entorpecentes em várias regiões do Estado do Rio.

    Com dois mandados de prisão em aberto, expedidos pela Justiça fluminense, Silvano estava acompanhado de sua mulher quando foi flagrado pelos policiais, que chegaram ao apartamento, no edifício Águas Claras, localizado na Rua Pernambuco, por volta das 6 horas. De acordo com as investigações, para administrar os negócios, Silvano utilizava aparelhos celulares com prefixo do Rio, passando a impressão para rivais e para a polícia de que continuava morando na cidade carioca.

    “Era uma forma de fazer os rivais pensarem que ele estava no Rio e evitar que tentassem tomar seus pontos”, revelou o diretor do Departamento de Narcóticos (Denarc), delegado Jorge Figueiredo, cuja equipe deu todo o apoio logístico e operacional necessário para as equipes da Polícia Civil do Rio chegarem até o traficante. Silvano, que é cadeirante há mais de 12 anos, quando recebeu dois tiros ao passar de carro por uma via no Morro do Alemão, já foi recambiado para a capital carioca.

    ....

    Veja Também

    COMPARTILHAR