Exército brasileiro gastou R$ 1,9 bilhão em missão no Haiti

    353

    O Exército brasileiro gastou R$ 1,892 bilhão entre abril de 2004 e novembro deste ano para manter a tropa no Haiti, país arrasado por uma guerra civil e, mais recentemente, por um terremoto. Desse valor, a Organização das Nações Unidas (ONU) reembolsou R$ 556,5 milhões para o Tesouro Nacional, segundo dados do Ministério da Defesa. Em 2004, o governo Lula defendeu a participação na missão de paz da ONU como uma maneira de assegurar um assento permanente do Brasil no Conselho de Segurança, o que não aconteceu. Atualmente, o Brasil mantém 1.910 homens das Forças Armadas na Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti (Minustah). A maioria do contingente é do Exército, mas ainda há militares da Aeronáutica (30 homens da Força Aérea Brasileira) e da Marinha (200 fuzileiros navais). Em 2013, o objetivo é diminuir o efetivo para 1,2 mil militares. No entanto, não há previsão para deixar o Haiti. Informações do Estado de S. Paulo.

    ....

    Veja Também

    COMPARTILHAR