Itiúba: Prefeito eleito é denunciado pelo MP por compra de votos e justiça pode determinar novo pleito

    155

    O Ministério publico eleitoral, através do Promotor de justiça Samuel de Oliveira Luna, ingressou com ação de investigação eleitoral junto à 149ª zona de Itiúba requerendo a cassação do diploma de Silvano Santos de Carvalho (Banga do PT) e seu vice, bem como a cassação de seu registro e impedimento da sua posse e declarada a sua inelegibilidade.

    A ação foi embasada em denuncia de compra de votos, em troca de material para construção de cisternas com testemunhais atestados em vídeos e áudios de eleitores que alegam a venda de seus votos em troca de favores, bens e serviços. Os ilícitos, na maioria, ocorreram no interior do município.

    Há também outras ações de investigação do ministério publico como a retirada de um poste de energia elétrica na casa de um eleitor realizada pela prefeita do município Cecília Petrina (PT) em troca de voto para o seu candidato.

    Outros fatos ainda estão sendo apurados pelo promotor de justiça Samuel de Oliveira Luna, que diante de outros crimes de compra de votos já comprovados pediu de imediato a condenação ao pagamento de multa, aplicável a espécie e determinar a cassação dos registros ou dos diplomas dos requeridos e declarada à inelegibilidade dos requeridos.

    Confira aqui a ação de Investigaçã do MP.

    Confira aqui a certidão do Cartório Eleitoral.

    Fonte: Nilton Oliveira Foto: Portaldenoticias.net

    ....

    Veja Também

    COMPARTILHAR