PRF registra mais de 60 feridos em acidentes nas rodovias baianas durante feriadão

    69

    O feriadão do Dia de Finados teve 106 acidentes nas estradas federais na Bahia, segundo balanço divulgado nesta segunda-feira (5) pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Oito pessoas morreram e 61 ficaram feridas. Foram quatro dias de operação encerrada na noite de ontem.

    Nestes quatro dias, foram flagrados 243 motoristas fazendo ultrapassagem proibidas e 239 sem usar o cinto de segurança.  Ao todo, a PRF emitiu 1495 notificações no período.

    De acordo com a PRF, o motivo da maior parte dos acidentes graves no feriadão foi a imprudência.

    Motoristas sem habilitação
    A Bahia é o segundo maior estado com maior número de flagrantes de motoristas sem habilitação em todo Brasil. De quinta a domingo, foram fiscalizados 4041 veículos e 3080 pessoas. Deste total, 189 motoristas foram notificados por problemas ligados à carteira de motorista ou por não ter habilitação. Vinte e seis carteiras foram apreendidas.

    Em um levantamento realizado, de janeiro a setembro deste ano, a Bahia ficou em 2º lugar no ranking nacional de flagrantes de condutores inabilitados, perdendo apenas para o estado de Minas Gerais. Neste período a PRF/BA contabilizou 4863 flagrantes.

    Dirigir sem carteira é infração gravíssima e o valor da multa é de R$ 191,54. Além disso, o dono do carro pode responder por crime de trânsito (Art. 310 do Código de Trânsito Brasileiro), com pena de detenção, que varia de seis meses a um ano, ou multa determinada pela Justiça.

    Condutores embriagados
    Durante o feriadão, 30 motoristas foram flagrados dirigindo alcoolizados, infração gravíssima que prevê multa de R$ 957,70. Destes, dez condutores também tiveram o carro retido e foram presos. Eles podem ser condenados a até três anos de prisão por crime de embriaguez no trânsito. (Correio)

    ....

    Veja Também

    COMPARTILHAR