Valente: Três disputam eleição suplementar indireta marcada para esta quinta

    51

    Os moradores de Valente conhecerão os seus novos prefeito e vice, que comandarão o município até o próximo dia 31 de dezembro, nesta quinta-feira (28), quando o Legislativo realiza a eleição suplementar indireta.

    A Câmara de Vereadores cumpre decisão proferida pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), após a cassação dos mandatos do ex-prefeito Ubaldino Amaral de Oliveira (PSC), e do seu vice, Eduardo Cedraz (PSD), acusados de captação e gasto ilícito de recursos financeiros de campanha eleitoral durante o pleito de 2008.

    Oliveira teria comprado cinco mil camisas e distribuído entre os munícipes durante período vedado pela Legislação. O ex-presidente da Casa, Lucivaldo Araújo Silva (PR), assumiu a prefeitura no último dia 4 de agosto e comandará o Executivo até esta quinta. Três chapas se inscreveram para disputar a indicação dos vereadores, que realizam votação secreta. A chapa 1 conta com o nome de Eclesiaste dos Reis Araujo (PSC) para prefeito e Laécio Carneiro dos Santos (PSC) para vice.

    A segunda tem Agnaldo de Oliveira Silva (PT) e Marlene Ramos Rios Mota (PMDB) como prefeito e vice, respectivamente. No terceiro grupo pleiteante está inscrito Marivaldo Mota Barreto (PSDB), como alcaide, e Roberto Ramos (PDT), para vice. Já nas eleição deste ano, que escolherá o administrador da cidade para os próximos quatro anos, três candidatos disputam os votos dos eleitores valentenses: João Melquiades (PHS), Zenóbio Cedraz (PP) e Ismael Ferreira (PT). (Informações do Bahia Notícias)

    ....

    Veja Também

    COMPARTILHAR