Vitória vence no Barradão e dispara na liderança da Série B

    55

    Não foi fácil, mas o Vitória enfim voltou a triunfar na Série B depois de três empates consecutivos. Em duelo disputado na noite desta terça-feira, no Barradão, pela 24ª rodada, a equipe rubro-negra iniciou a partida levando um susto do Boa Esporte, mas aproveitou a falta de pontaria dos mineiros – que perderam inúmeras oportunidades – e conseguiu vencer, de virada, por 3 a 2.

    O triunfo do Vitória poderia ser mais tranquilo, não fosse um gol totalmente impedido feito pelo Boa Esporte na etapa final, quando o duelo estava 3 a 1 a favor dos anfitriões. Com o 3 a 2 no placar, o time comandado por Paulo César Carpegiani sofreu até o final, mas conseguiu manter o placar.

    Com o resultado, o Vitória vai aos 53 pontos e abre sete de distância para o vice-líder Criciúma, que ainda joga nesta terça-feira, contra o Goiás, no Serra Dourada. O Boa Esporte, por sua vez, tem sua sequência de duas vitórias seguidas interrompida e ainda cai duas posições na tabela, ficando com o 15º lugar, com 28 pontos.

    Irreconhecível. Desta forma esteve o Vitória a partir do apito inicial no Barradão. Tanto é que não demorou para o Boa Esporte, que já havia assustado aos 5min, abrir o placar aos 9min. Karanga ganhou disputa com Gabriel Paulista, recuperou a bola na ponta esquerda, invadiu a área e tocou no meio para Petros, que entrou livre e apenas teve o trabalho de empurrar para as redes.

    Não foi o suficiente para o time rubro-negro acordar. Tanto é que o Boa continuou assustando, o que fez com que alguns torcedores começassem a ficar impacientes. O time mineiro, porém, não soube aproveitar as inúmeras oportunidades criadas e, aos 36min, veio o castigo. Em jogada individual, Gilson ‘tabelou’ com o adversário e, de dentro da área, finalizou na saída de Gabriel Leite.

    O gol reacendeu a torcida rubro-negra, e o time foi no embalo. Aos 42min, veio a virada. Pedro Ken cobrou falta à meia altura com perfeição e virou a partida. “O primeiro tempo não foi bom, nossa equipe errou muito com a bola no pé, talvez pela necessidade da vitória, mas o importante é que a gente fez os dois gols. Vamos voltar com mais atenção no segundo tempo”, disse Pedro Ken.

    E o espírito na etapa final foi mesmo outro. Com isso, logo aos 2min, o Vitória conseguiu ampliar e ficar em situação mais confortável na partida. Nino cruzou da direita com perfeição e Elton, sozinho dentro da área, teve tempo para escolher o canto e mandar de cabeça para as redes.

    Porém, aos 19min, o Boa Esporte voltou ao jogo com um gol totalmente irregular. Vanger, em posição clara de impedimento, recebeu no meio da área e, sozinho, apenas teve o trabalho de deslocar o goleiro Deola. O Vitória, porém, soube controlar os ânimos, e apesar de alguns sustos, conseguiu manter o resultado para a festa da torcida que compareceu ao Barradão. (Informações do Uol/Foto:Globoesporte.com)

    ....

    Veja Também

    COMPARTILHAR