A polícia tem proteger à população, diz Rui Costa após a morte de 13 bandidos em confronto

90kggl5py1_7nkziac7og_fileNa manhã desta sexta-feira (6), o governador Rui Costa se pronunciou sobre o confronto na Estrada das Barreiras, em que 13 bandidos foram mortos e três pessoas ficaram feridas. De acordo com o governador, os policias não podem tombar no enfrentamento contra o crime.

— Eu quero deixar bem claro que a orientação é que a Polícia Civil e Militar atuem com energia e força necessária para proteger a sociedade. E sempre essa ação seja dentro da lei.

O governador ressaltou ainda que a polícia precisa garantir a segurança da população e enfrentar o crime de forma severa.

— Agora quero chamar a atenção que os nossos policias não podem tombar no enfrentamento com o crime, principalmente com aqueles que portam escopetas,metralhadoras e pistolas.

O caso ocorreu na madrugada desta sexta-feira (6). A Polícia Militar informou que o tiroteio começou, quando cerca de 30 homens estavam se preparando para estourar caixas eletrônicos na localidade conhecida como Vila Moisés, e ao perceber a presença da polícia, os suspeitos iniciaram o tiroteio.

Ainda de acordo com informações, foram apreendidos, 12 revólveres, uma espingarda, duas pistolas, dois coletes balísticos, cinco roupas camufladas semelhantes à farda do Exército, além de farta munição e drogas.

Em nota, a PM disse ainda que um sargento foi baleado na cabeça de raspão. Os policiais envolvidos no confronto já foram ouvidos no DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa) e espontaneamente entregaram as armas para que seja realizada a perícia técnica. (Com informações do R7)

Veja Também:

Ao menos treze bandidos morrem em troca de tiros com a polícia baiana