Alvo de perseguição e preconceito até por causa dos cabelos, baiana sofre no BBB17

Em apenas três dias de confinamento, os Big Brothers já elegeram um alvo para críticas. No BBB17, a baiana Gabriela Flor tem sido perseguida na casa. Primeiro, a dançarina de Porto Seguro foi chamada de mal humorada por Antonio e Mayara. Vários internautas afirmam que a mineira teria dito que, caso Gabriela chegue para conversar com ela procurando confusão, vai mandar a bailarina “alisar o cabelo”. Depois, foi a vez de Antônio também fazer um comentário maldoso sobre Gabriela. “Ela é baiana, pode ser macumbeira”, disparou ele, causando ainda mais polêmica.

RTEmagicC gabriela flor 01.jpg

Na última quinta, 26, Gabriela Flor desabafou com Roberta e as gêmeas Mayla e Emilly sobre a forma como acorda, o que tem causado uma situação complicada. A leonina disse que não é nada pessoal, que é só seu jeito e se tiver algum problema com alguém faz questão se chamar para conversar e resolver. “Não gosto de fofoca”, disse ela. Na manhã desta sexta,  Gabriela Flor se emocionou ao falar com o gêmeo sobre religião. “A última coisa que eu faria na minha vida é magoar qualquer pessoa com relação a religião”, disse a sister.