Ameaçado de ser preso, Safadão se manifesta pela primeira vez e solta o verbo

Mileide Mihaile, ex-mulher de Wesley Safadão, com quem tem Yhudy, de 7 anos, está em uma situação cada vez mais complicada. O cantor entrou com um pedido solicitando que o valor pago de pensão, cerca de R$ 9 mil, seja revisto e a que a Justiça inclua os valores que ele dá por fora da quantia depositada mensalmente.

Agora, Mileide resolveu abrir o jogo. A Digital Influencer falou sobre a situação: “Fiquei sabendo do pedido quando fui intimada na quarta-feira (6). Ele sempre pagou 10 salários mínimos (algo em torno de 9 mil), mas pagava por fora a escola do nosso filho, que custa R$ 2.600″.

“Só que há 2 meses, ele desconta a escola do nosso filho mais R$1 mil de gasolina do valor total da pensão pois ele simplesmente decidiu assim. Então o valor que fica para o Yhudy é de R$5.400”, explicou ela, que esclareceu um ponto bastante importante dessa história toda.

Foto reprodução

A moça contou que advogada, Olívia Pinto, já entrou com um pedido de prisão do cantor caso ele não corrija os valores dos dois últimos meses. Vivendo apenas de seu trabalho na internet atualmente, Mileide revelou que precisa do valor pago pelo cantor para manter o padrão de vida do filho.

“Hoje sou digital influencer. O que recebo é incerto. Hoje tenho e amanhã não, não é um valor fixo. O Wesley não pode alegar que eu seja tão bem-sucedida para oferecer ao nosso filho um padrão como o que ele oferece. Eu nem ia brigar por isso, mas só por esse massacre que estou passando, agora vou até o fim”, diz.

“Cheguei no meu limite de humilhação e desprezo. Não fui uma namoradinha dele. Fomos casados por oito anos e meio. Meu filho foi planejado por mim e por ele durante cinco anos! Meu filho não é um acidente para ser excluído dessa maneira”, disse Mileide.

Foto reprodução

Agora, após toda a polêmica, Safadão de manifestou pela primeira vez em uma nota de esclarecimento. Confira a seguir:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Wesley Oliveira, por meio de sua assessoria de imprensa, esclarece que entrou com ação de revisão de pensão de seu filho mais velho, Yhudy, pedindo a alteração na forma de pagamento e NÃO a redução da pensão alimentícia, permanecendo inalterado o valor total pago atualmente.

O processo corre em segredo de justiça para preservar os envolvidos e principalmente a criança. Desta forma, qualquer manifestação sobre o assunto ocorrerá somente nos autos processuais.

....

COMPARTILHAR