Após 10 meses internado, Euclidense que quebrou coluna em cama elástica e teve mais de 20 paradas cardíacas recebe alta

O vaqueiro Admilson Santana Santos, que fraturou a coluna em uma cama elástica enquanto festejava o aniversário de um ano da filha, em abril de 2017, recebeu alta nesta segunda-feira (26). Ele estava internado há 10 meses no Hospital Clériston Andrade, localizado em Feira de Santana, cidade a cerca de 211 km de Euclides da Cunha, cidade onde Admilson morava e onde ocorreu o acidente.

Admilson, de 44 anos, ficou tetraplégico após quebrar a coluna e o quadro dele é irreversível, segundo informações da assessoria de imprensa do Hospital Clériston Andrade.

Hospital Clériston Andrade desospitalizou o paciente acidentado em uma cama elástica em Euclides da Cunha (Foto: Divulgação/Hospital Clériston Andrade)

Em dois meses, Admilson sofreu 11 paradas cardíacas. Entretanto, nesta segunda-feira, ao receber alta, a assessoria da unidade hospitalar informou que durante esses 10 meses de internação, ele sofreu mais de 20 paradas cardiorrespiratórias.

Admilson ficou internado por 10 meses após fraturar coluna em cama elástica no aniversário de um ano da filha na Bahia (Foto: Divulgação/Hospital Clériston Andrade)

Segundo a assessoria do hospital, em alguns momentos Admilson respirou somente com a ajuda de aparelhos. A assessoria informou ainda que os médicos da unidade de saúde entendem que o propósito da desospitalização de pacientes como Admilson, que passam longa permanência no hospital, é permitir que eles voltem a conviver com as famílias e que não sejam moradores da unidade de saúde.

Vaqueiro ficou tetrapégico após cair de pula-pula no interior da Bahia (Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal)

Fonte: G1

....

COMPARTILHAR