Avaliação positiva do governo da presidente Dilma volta a cair, aponta Ibope

280111_dilma1A taxa de aprovação do governo Dilma Rousseff teve neste mês a primeira queda desde as manifestações de junho passado. Segundo pesquisa Ibope/Estadão divulgada nessa sexta-feira (21), a parcela de brasileiros que considera a gestão da petista boa ou ótima diminuiu de 43% para 39% entre o início de dezembro e a metade de fevereiro. Com o recuo, a avaliação positiva do governo voltou aos níveis observados entre agosto e novembro, quando oscilou entre 37% e 39%.

Antes disso, a taxa havia sofrido um tombo, passando de 55% em pesquisa Ibope do início de junho para 31% em julho. Entre esses dois levantamentos ocorreu a massificação dos protestos de rua nas principais cidades do país. O Ibope pesquisou também a opinião dos brasileiros sobre o desempenho pessoal de Dilma na Presidência. Sua conduta é aprovada por 55% e desaprovada por 41%. Em dezembro, a taxa de aprovação era de 56% – ou seja, nesse caso, houve apenas uma oscilação negativa, dentro da margem de erro da pesquisa, que é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

A avaliação positiva do governo apenas oscilou negativamente nas regiões Nordeste (52% para 51%) e Sul (46% para 44%). A queda mais significativa, de 13 pontos, ocorreu no Norte/Centro Oeste (de 45% para 32%). No Sudeste, a taxa foi de 38% para 33%. Em relação à escolaridade, a queda foi maior entre eleitores com curso superior (de 35% para 26%). Na faixa etária, Dilma caiu mais entre os jovens (menos de 25 anos), com 35% de aprovação.

Fonte: Jornal Correio