Baiano luta na Justiça para antecipar cirurgia marcada para 2015

52359-2Já imaginou precisar realizar uma cirurgia, mas só conseguir o atendimento um ano depois? Esta é a situação do feirense José Carlos de Jesus Barbosa. Ele sofreu um acidente de moto em 2005, em Feira de Santana, e ficou internado no Hospital Geral Clériston Andrade, sendo transferido, em seguida, para um hospital em Salvador, onde realizou uma cirurgia.

Agora, José Carlos luta para conseguir antecipar o procedimento, pois segundo ele, houve erro médico, e a perna continua com sequelas. No entanto, ele foi informado que só há vagas em fevereiro de 2015, no Hospital Manoel Vitorino, em Salvador. O paciente, que afirma não conseguir andar direito, informou ainda que se dirigiu à secretaria de Saúde de Feira de Santana, e recebeu um prazo ainda maior, de dois anos, para realizar o procedimento.

De acordo com informações da TV Subaé, José Carlos disse que já procurou a Defensoria Pública, a ouvidoria e o Ministério Público, mas até o momento o problema não foi solucionado.

Segundo o diretor de atenção à saúde de Salvador, a secretaria fez a triagem e a regulação do paciente, mas que não é possível interferir na lista de espera dos hospitais.

Ainda conforme a TV Subaé, a promotoria de Justiça afirmou que pediu a uma junta médica que avaliasse o paciente, para que a cirurgia seja feita o mais rápido possível. O órgão informou ainda que abriu um inquérito para apurar a denúncia de José Carlos de que houve erro médico, mas o Ministério Público descartou essa possibilidade. (Acorda Cidade)