Cigano mata mulher na frente do filho em cidade baiana

17-2-380x250Um cigano é suspeito de matar a mulher, de 46 anos, na frente de um dos filhos, no domingo, dia 12, na cidade de Riacho de Santana, no interior da Bahia. De acordo com a Polícia Civil, ele fugiu após o crime e os filhos do casal atearam fogo no carro do pai em retaliação.

Os filhos contatam à polícia, em depoimento, que o pai costumava ameaçar a mãe com a arma quando ingeria bebida alcoólica. No domingo, por volta das 9h da noite, ele havia bebido e atingiu a mulher com um tiro de espingarda na barriga. Ela foi levada para o hospital Amália Coutinho, em Riacho de Santana, mas não resistiu aos ferimentos. O corpo foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT) e enterrado no município de Guanambi, na terça-feira, dia 14.

Ainda segundo  a Polícia Civil, o suspeito fugiu a pé após o crime, porque teve o carro queimado pelos filhos, que ficaram revoltados com a morte. O casal tinha quatro filhos, mas somente um deles estava em casa no momento do crime. Policiais realizaram buscas pelo suspeito, mas ele não foi localizado. A prisão preventiva do cigano já foi pedida pela polícia à Justiça.