Corinthians quer gritar “é campeão” no sofá; veja a combinação necessária para o título

tsPara finalmente acabar com a agonia e gritar é campeão, o Corinthians precisa fazer a lição de casa neste sábado (7), dentro de sua casa, contra o Coritiba. A bola começa a rolar às 19h30 e a única possibilidade para o domingo ser de festa alvinegra é vencer o desesperado time do Paraná, que luta contra o rebaixamento.

Não bastará, no entanto, somar os três pontos. Depois disso, no domingo, os corintianos se concentrarão na frente da TV, no sofá, para secar o Atlético-MG, que encara o Figueirense a partir das 17h, em Florianópolis. Se empatar ou perder, o time mineiro termina de entregar a taça para os corintianos.

Durante toda a semana, jogadores, treinador e diretoria não esconderam que a ansiedade aumentou a cada dia. Alguns, como Vagner Love, estão mais confiantes e já falaram até em volta olímpica. Outros, mais receosos, como Renato Augusto, evitam falar sobre comemoração antes da hora.

Tite tem lutado com seu elenco para que a empolgação não tome conta do ambiente. Por isso, fez um último treino com bastantes cobranças e, em seguida, foi a sala de entrevistas para falar que nem pensou nem mesmo em quem levantará a taça como capitão. Admitiu, apenas, que está ansioso e disse entender o lado do torcedor, que já grita “é campeão” desde a vitória em cima do Atlético-MG na rodada passada.

“Já gritaram ‘campeão’ no outro jogo, é compreensível a emoção do torcedor, a manifestação é compreensível. Ele é o motivo maior, mas a gente quer por completo. Não tem nada adiantado, nada conquistado, porque do outro lado tem um adversário qualidade. Disputando posições diferentes, mas com qualidade”, afirmou.

Curiosamente, se não conquistar o título neste fim de semana, o Corinthians só poderá gritar é campeão depois de 12 dias. É que o Brasileirão faz a pausa para a seleção brasileira, que enfrenta a Argentina e o Peru pelas Eliminatórias. Só no dia 19 os corintianos voltam ao gramado para enfrentarem o Vasco.

Completamente em papel de protagonista, o Coritiba precisa da vitória de qualquer jeito para tentar sair da zona de rebaixamento e não ver seus concorrentes diretos, como Figueirense, Goiás e Avaí se desgarrarem do Z-4.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS X CORITIBA

Data: 7 de novembro de 2015, sábado
Horário: 19h30 (de Brasília)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva – PA (FIFA)
Assistentes:Guilherme Dias Camilo – MG (FIFA) e Jose Javel Silveira – RS (ESP-2)

CORINTHIANS: Cássio; Edilson, Felipe, Gil e Guilherme Arana; Ralf; Jadson, Elias, Renato Augusto e Malcom; Vagner Love

CORITIBA: Wilson; Leandro Silva, Juninho, Rafael Marques, Carlinhos; João Paulo, Alan Santos, Ruy e Juan; Henrique Almeida e Kleber Gladiador