Demissões de técnicos na China e possível vexame da seleção deixam fiel em alerta máxima por Tite

tite_pode_sofrer_investida_da_china_e_cbf_nas_f1Uma série de fatores vem causando preocupação em torcedores do Corinthians acerca da possível saída do técnico Tite. Seja no Twitter ou nos comentários de matérias, parte da torcida vê as demissões de técnicos brasileiros na China e o mau momento de Dunga à frente da Seleção como problemas para a permanência do treinador no Timão.

A principal novidade vem da China. Nos últimos dois dias, Vanderlei Luxemburgo e Mano Menezes foram demitidos do Tianjin Quanjian e do Shandong Luneng, respectivamente. A preocupação da Fiel é uma possível investida chinesa em solo brasileiro na busca por novos treinadores. Ambos os clubes já demonstraram ter dinheiro.

No Tianjin Quanjian, jogam os brasileiros Jadson, Geuvânio e Luis Fabiano. No Shandong Luneng, Gil, Jucilei, Diego Tardelli e Aloísio. Assim, eles devem priorizar a contratação de treinadores brasileiros visando a manutenção dos brazucas no elenco. Jadson e seus colegas de time, por exemplo, já estudam deixar a China após a demissão de Luxemburgo.

Tite, no entanto, ao menos no discurso, vem dizendo que só deixaria o Corinthians pela Seleção. E esse também não deixa de ser um problema. Isso porque a Seleção Brasileira voltou a ficar em evidência graças ao início da Copa América. Na estreia (com presença de cinco corinthianos/ex-corinthianos), o Brasil decepcionou e empatou com o Equador. Em caso de vexame na competição, Dunga corre grandes riscos de cair. E a CBF, nesse cenário, tentaria de tudo para contratar o treinador do Timão. (Meu Timão)