Empatado tecnicamente com Rui Costa, Da Luz diz que vai ao 2º turno com Souto

xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.ONaggLQyXFO candidato ao governo do Estado pelo PRTB, Rogério Tadeu Da Luz, disse não acreditar que a pesquisa Ibope/TV Bahia, divulgada nesta quarta-feira (23) tenha sido manipulada de alguma forma, como sugeriu Rui Costa (PT), mas acredita que os números devem mudar com o início da propaganda eleitoral.

“A campanha na TV ainda não começou. Nós só estamos a nove pontos do segundo turno, o que nos deu certeza de que estamos no caminho certo”, afirmou, em entrevista ao Bahia Notícias. Certo de que estará na fase final da disputa, ele prevê que seu adversário deve ser o líder da oposição. “Segundo o modelo desenhado, vamos disputar com Paulo Souto. A pesquisa é uma nuvem. Ainda acho que os números dele vão cair muito, porque ainda serão mostrados os índices alarmantes de violência, frutos dos seus oito anos à frente do governo. A tendência é ele cair, mas não sei se tanto a ponto de sair do segundo turno”, previu.

Questionado pelo BN sobre a mais alta taxa de rejeição entre os seis postulantes ao Palácio de Ondina, ele se mostrou despreocupado. “Eu, o ACM e o Lula. É normal. Só não tem rejeição quando não se é conhecido. O Bahia é rejeitado pela torcida do Vitória e vice-versa”, comparou. Segundo os números divulgados, Da Luz está tecnicamente empatado com Rui Costa (PT). Como o petista tem 8% das intenções de votos e ele tem 2%, e a margem de erro prevista é de 3% para mais ou para menos, os dois empatariam com 5%.

“O resultado mostra que o povo quer mudança. Depois dele, tem a senadora [Lídice da Mata], que fez parte do governo até o apagar das luzes. O PRTB é o único partido que tem um projeto viável para a Bahia”, concluiu. A socialista atualmente é a segunda colocada, com 11% da preferência do eleitorado.

(Bahia Notícias)