“Estava possuído” diz criminoso após matar esposa com tiro na cabeça em Quijingue

rabecao(1)Um crime bárbaro chocou a comunidade de Quijingue na madrugada deste sábado (11). José Luís de Souza Carvalho (36), matou com um tiro de revólver na cabeça, a própria esposa Genésia Souza Barreto ( 35).

O crime aconteceu na residência do casal, localizada na fazenda Malhada do Juá, zona rural do Município. José Luís foi preso em flagrante por uma guarnição da 4ª Cia de Polícia Militar do 5º BPM e está sendo autuado pelo bel. Paulo Sérgio Cardoso -delegado de plantão na 1ª DT/Euclides da Cunha.

Um agente da delegacia de Quijingue informou que o assassino-confesso justificou o crime com a seguinte frase: “eu estava possuído pelo demônio”. À autoridade policial, foi revelado que o homicida havia ingerido bebida alcoólica em um bar da localidade e ao chegar em casa disse para um dos dois filhos menores de idade, que iria matar a mãe deles, o que realmente fez.

a (Com informações de José Dilson/Euclidesdacunha.com)