Falso dentista cobrava três reais para colocar aparelhos dentários em Feira de Santana

84027-3Um homem foi apresentado no Complexo de Delegacias do Sobradinho na tarde de quarta-feira (5) por estar se passando por ortodontista. Policiais civis da Coordenadoria, sob o comando do delegado João Rodrigo Uzzum, encontraram Wilker Carvalho Sena, 32 anos, colocando aparelhos dentários estéticos em algumas adolescentes, e apreenderam materiais utilizados por dentistas. O trabalho era realizado na residência de Wilker, na Rua Sibéria, bairro Ponto Central, onde foi preso.

De acordo com João Uzzum, Wilker Carvalho Sena foi apresentado ao delegado plantonista, que o enquadrou nos termos do artigo 282 do código penal, que tem a pena de detenção de seis meses a dois anos. Ainda segundo o delegado, foi lavrado um Termo Circunstancial de Ocorrência e Wilker foi liberado. As jovens que estavam no consultório no momento da prisão foram ouvidas e liberadas.

84024-3 (1)“Pessoas ligaram para a delegacia informando que esse cidadão estava colocando aparelhos dentários em adolescentes de Feira de Santana, que querem colocar o aparelho por questões estéticas e não tomam cuidado com relação aos perigos. Tudo que é relativo ao exercício ilegal da profissão de dentista foi apreendido e será encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica. Esperamos que essas jovens não se submetam mais a essa prática, que é danosa à saúde. Ele cola o aparelho com uma cola de alta resistência e não tem habilitação para isso”, destacou o delegado.

Ao Acorda Cidade, Wilker Carvalho Sena confirmou que não tem habilitação para exercer a profissão de dentista e disse que cobrava três reais para fazer a troca das borrachas do aparelho e quatro reais para colar. Wilker afirmou que colocava nos adolescentes um aparelho sem anel, que não provoca mudanças nos dentes.

84026-3

……………………….

“Meu trabalho era só trocar a borracha do aparelho com uma agulha descartável. Além disso, fazia a colagem com um ferro sem apertar e sem manutenção. Não tenho o curso completo e por isso não tenho certificado. Mas eu não implanto aparelho para tratamento e sim para enfeite. Eu não tenho consultório, equipamentos de dentista, nada disso. Eu busco conhecimento de vídeo na internet para saber o tipo de borracha ideal para não lesar os dentes. Já tem um tempo que faço isso, mas de um ano pra cá estava levando mais a sério. Além disso, sou camelô vendendo brinquedos”, relatou.

*As informações e fotos são do Acorda Cidade