Feira de Santana registra cinco assassinatos em fim de semana violento

tyCom os cinco assassinatos registrados no fim de semana, entre sábado e domingo (12 e 13), subiu para 17 o número de homicídios em Feira de Santana, em dezembro, e para 270 no ano.

Um dos crimes ocorreu no distrito de Humildes, quando Robson Alves dos Santos, 32 anos, foi baleado na cabeça, ombro e pescoço. A vítima residia na Rua Joselito Amorim, no mesmo distrito. Não há outras informações sobre o caso.

Conjunto Paulo Souto

O pedreiro Wanderson Gomes Pereira, de 29 anos, morreu também no sábado, no Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), vítima de golpe de faca. Ele saiu da casa da mãe por volta das 14h para ir ao Conjunto Paulo Souto, quando um homem desferiu uma facada no braço da vítima, próximo à axila. Wanderson Gomes morava na rua I do bairro Aviário, mas estava trabalhando em Camaçari.

91785-3Ele veio a Feira de Santana combinar com familiares como seria a ceia de Natal e pagar a pensão de dois filhos. O pedreiro correu, pedindo socorro, mas caiu na Rua Olney São Paulo, próximo ao presídio regional. Um irmão, que estava retornando do centro da cidade em uma Van, o reconheceu e ainda o socorreu, em um gol que passava pela rua, para o hospital, mas a vítima não resistiu e morreu. No bolso de Wanderson, familiares encontraram o valor que ele tinha separado para entregar à ex-mulher.


Feira VII

Um homem ainda não identificado foi encontrado morto na localidade Viver Mais, no bairro Feira VII. Segundo a polícia, o crime aconteceu por volta das 3h horas da madrugada de domingo. O corpo da vítima apresentava sinais de violência, e a suspeita é que o homem tenho sido morto a pauladas.

91780-3Campo Limpo

No domingo, foi assassinado a tiros Antônio Alex Santos Medeiros, de 41 anos. O crime ocorreu na Rua Aeroporto, no bairro Campo Limpo, em Feira de Santana. No momento do crime, a vítima estava em um veículo Gol preto, placa JSM 7060, e foi abordada por dois homens que estavam em uma motocicleta. Ele era morador da Rua Dois Irmãos, bairro Asa Branca. Segundo o major Lobão, da 65º Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), Antônio Alex tentou fugir, mas foi alcançado pelos suspeitos, que deflagraram cerca de 10 tiros contra o carro, dos quais seis o atingiram nas costas e na nuca.

Sobradinho

Por volta das 21h de domingo, foi assassinado com cerca de 17 tiros, segundo a polícia, Willian Cruz, 35 anos, que residia no bairro Gabriela. Willian estava em um bar na Rua São Geraldo, no bairro Sobradinho, quando foi surpreendido pelos autores do homicídio. Ele ainda tentou correr mais foi alcançado e morto. Ainda segundo a polícia, ele foi baleado com tiros de pistola ponto 40 e 380.

Os corpos foram encaminhados para o Departamento de Polícia Técnica, e os assassinatos serão investigados pela Delegacia de Homicídios.

Informações e fotos: Ed Santos/Acorda Cidade.