Fofoqueiro é preso pela polícia na Bahia após espalhar uma série de vídeos difamando vizinhos

VIDEO_2O responsável pela produção e distribuição de uma série de vídeos difamando moradores de Amargosa, a 238 km de Salvador, já foi identificado pela Polícia Civil. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (25) pelo delegado titular do município, Adilson Bezerra.

O suspeito foi levado à delegacia e indiciado pelos crimes de calúnia e difamação. Ele responderá à Justiça em liberdade. Segundo o delegado, quinze vídeos estavam sendo divulgados por meio de um aplicativo de troca de mensagens. Com mais de 20 fotos de vítimas em cada um deles, todos traziam frases de cunho sexual ou expunham fatos íntimos de dezenas de pessoas da região.

Assim que o material começou a circular na cidade, as vítimas acionaram a polícia. Diversos mandados de busca e apreensão foram cumpridos, na segunda-feira (23), na residência do suspeito, na qual celulares e computadores foram apreendidos e encaminhados à perícia. “As investigações continuam no sentido de identificar a participação de outras pessoas no episódio”, finalizou Adilson Bezerra.

Com informações da Aratu Online