Gêmeas que fizeram cirurgias para ficar “ainda mais parecidas” se arrependem

Ano passado, as gêmeas Anna e Lucy DeCinque viraram notícia mundo afora por terem feito várias cirurgias plásticas para ficarem “ainda mais parecidas”. As australianas de 31 anos usavam as mesmas peças de roupa, comiam a mesma refeição e faziam os mesmos exercícios em academia. Além disso, dividiam o mesmo homem.

blog twins 2

As duas gastaram cerca de R$ 590 mil em vários procedimentos estéticos, incluindo implante de silicone nos seios, preenchimento labial e tratamentos com laser.

blog twins 4

Mas bateu o arrependimento. Em entrevista ao site da revista “New Idea”, Anna e Lucy, moradoras de Perth (Austrália), disseram estar arrependidas do que fizeram. As gêmeas chegaram a ficar deprimidas e já estão em processo para voltar à aparência original.

“Pensávamos que fosse bonito. Agora, achamos feio. Temos vergonha do que fizemos a nós mesmas”, disse uma das gêmeas.

blog twins 1

As gêmeas “espelhadas” foram diagnosticadas com dismorfia corporal, também conhecida como dismorfobia, transtorno dismórfico corporal ou síndrome da distorção da imagem, relacionada à preocupação excessiva com a aparência. A dismorfia corporal é um transtorno psicológico no qual a pessoa acredita ter defeitos físicos que não possui ou, então, possui em um nível mínimo, mas acredita ser acentuado.

Só uma coisa vai continuar a mesma: Ben Byrne. As irmãs continuarão dividindo o eletricista australiano. Mais: as duas vão se casar com ele.

blog twins 3