Governo planeja criação de programa Mais Professores

    650x375_1349460O Ministério da Educação planeja criar um programa para estimular a ida de professores para municípios do Norte e Nordeste, à semelhança do Mais Médicos, que visa levar profissionais de saúde para áreas que sofram com a falta destes especialistas.

    “É uma contribuição do governo federal com os municípios que têm baixo Ideb, baixo IDH e principalmente onde não temos hoje professores de matemática, física, química, inglês – que são as maiores carências”, observou o ministro Aloizio Mercadante, referindo-se aos índices de desenvolvimento da educação básica e desenvolvimento humano.

    De acordo com o ministro, essa iniciativa ainda está sendo discutida com o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), pois 86% dos estudantes pertencem à rede estadual de ensino.

    O programa de envio de professores para cidades do interior é apenas um dos itens que compõem o plano de reformulação do ensino médio, cuja Comissão Especial contou com audiência pública nesta quarta-feira, 21, na Câmara dos Deputados.

    Para Mercadante, o ensino médio é uma fase que necessita de maior atenção. Entre as ações em debate para a reformulação do ensino médio estão: um redesenho curricular para que as disciplinas sejam mais integradas entre si; maior investimento em escolas em tempo integral; ampliação do ensino médio profissional, e bolsas de estudo e pesquisa para estimular jovens com vocação em ciência em licenciatura.

    A Tarde