Incomodada com beleza de rival, idosa de 80 anos mata amante do namorado

Uma idosa de 80 anos foi presa suspeita de participar do assassinato de uma jovem no Rio Grande do Sul. A vítima foi esquartejada e teve parte do corpo jogada em um lixão. A idosa teria não se conformado com o fato de o amante, de 25 anos, ter um relacionamento com uma mulher mais nova.

ttttt

Esmeralda tinha um caso com Vandré Centeno, assassino confesso de Cíntia Glufke (foto). Os dois eram colegas de trabalho e mantinham um relacionamento amoroso. A idosa não se conformava com o relacionamento com outra mulher tão mais nova do que ela.

41q1hg8y0c_3om8yon9hb_fileNo início de agosto, Centeno teria matado Cíntia e esquartejado o corpo. Partes do cadáver foram enterradas no quintal da casa dele em Porto Alegre. O restante foi colocado em malas e levado para São Joaquim (SC).

Imagens de câmeras de segurança da rodoviária de Porto Alegre mostram Esmeralda atrás de Centeno, que carregava as malas.

Em depoimento à polícia, Esmeralda negou tudo, dizendo que nunca havia ido para São Joaquim e que desconhecia o conteúdo das malas.

Posteriormente, a idosa assumiu que tinha raiva e ciúmes de Cíntia. A investigação também apontou que o crime pode ter sido premeditado porque as sacolas plásticas, as malas e as passagens para Santa Catarina haviam sido compradas dias antes do assassinato.

Ao todo, cinco pessoas foram presas: Centeno, os dois irmãos dele, Esmeralda e o sogro de Cíntia, que era casada. Centeno confessou que também tinha um caso com o sogro da vítima. (Com informações do R7)