Julho terá eclipse lunar mais longo do século

O mês de julho guarda uma surpresa para astrônomos e apreciadores do céu noturno. Na noite do dia 27 e nas primeira horas do dia 28 acontecerá o mais longo eclipse lunar do século. No total, o evento irá durar 3 horas e 55 minutos, sendo 1 hora e 43 minutos com a Lua totalmente encoberta pela sombra da Terra.

De acordo com o site Time and Date, o eclipse poderá ser acompanhado em sua totalidade de grande parte da Oceania, África, Europa e Ásia. O eclipse parcial poderá ser acompanhado do sul da América do Norte e de partes da América do Sul. No Rio de Janeiro a Lua irá surgir no horizonte ainda totalmente encoberto, às 17h28. Às 18h13, o eclipse total se encerra, mas o satélite ainda ficará parcialmente encoberto até às 19h19.

Foto reprodução

O eclipse lunar acontece quando o Sol, a Terra e a Lua se alinham, fazendo com que a sombra do nosso planeta se projete sobre o satélite. Este evento do próximo dia 27 será particularmente longo por uma coincidência: ele acontece junto com o apogeu, ponto mais distante de sua órbita e, por consequência, com menor velocidade orbital.

Dessa forma, a Lua levará mais tempo para cruzar a umbra, fazendo com que o eclipse se prolongue. A maior duração possível para um eclipse total lunar é de 1 hora e 47 minutos, de acordo com o site EarthSky.

E poucos dias após o eclipse lunar, Marte estará no seu ponto mais próximo da Terra desde 2003. No dia 31 de julho, o planeta vermelho estará a “apenas” 57,6 milhões de quilômetros. Quem tem o costume de olhar atentamente para o céu percebeu que já neste mês de junho é possível observar um ponto alaranjado. Trata-se de Marte.

....

COMPARTILHAR