Luciano Simões: Enquanto Dilma anuncia divulgação, Wagner continua omitindo custos com viagens internacionais

    luciano-simoesEnquanto deputados de outros estados aproveitam este momento de questionamentos com relação à utilização de aviões oficiais para cobrarem explicações de seus governadores, o líder do bloco parlamentar PMDB/DEM na Assembleia Legislativa da Bahia, Luciano Simões, reitera cobrança que ele faz desde maio de 2012, sobre os custos das viagens do governador Jaques Wagner ao exterior.

    “Contrariando a Lei da Transparência, a Casa Civil ainda não informou quais foram os gastos com as viagens improdutivas que o governador Wagner fez para o exterior. Enquanto a presidenta da República, Dilma Rousseff, anuncia, depois de cobrada pela sociedade, a divulgação das informações referente aos gatos com viagens oficiais, o governador da Bahia, Jaques Wagner, continua omitindo os custos com suas viagens internacionais”, criticou o parlamentar.

    Luciano Simões já solicitou informações sobre os custos das viagens realizadas pelo governador baiano durante os seus quase oito anos de mandato através de requerimento apresentado ao Ministério Público Estadual, à Casa Civil e à Assembleia Legislativa, mas não obteve resposta. A mesa diretora da Casa chegou a indeferir um requerimento apresentado por ele em maio de 2012.

    Viajante – Em maio do ano passado, a imprensa apontou Jaques Wagner como o governador recordista em viagens internacionais. Desde janeiro de 2011, início de sua segunda gestão, ele passou 78 dias no exterior em 14 missões oficiais, uma média de quase uma viagem por mês. Dentre os países visitados pelo governador baiano estão a França, Alemanha, Itália, Suíça China, África do Sul, Coréia do Sul e Estados Unidos.

    “Qual o resultado concreto que o governador trouxe de todas essas viagens? Desafio qualquer um a me falar um investidor que veio para Bahia como resultado esses encontros que ele tem fora do país”, questionou o deputado.

    Fonte: ASCOM deputado Luciano Simões