Nova minissérie global está sendo ambientada no Sertão da Bahia

    isis caua e targinoDepois de Ilhéus, com Gabriela, e Salvador, com o Canto da Sereia, as regiões do Vale do São Francisco e Paulo Afonso, no norte da Bahia, foram escolhidas para ambientar a mais nova produção da Rede Globo, que mostrará o Nordeste brasileiro: a minissérie Amores Roubados. Para a trama, participam atores consagrados como Patrícia Pillar, Cássia Kiss, Isis Valverde, Murilo Benício, Cauã Reymond, Dira Paes e o cantor de forró Targino Gondim, que também marca presença na trilha sonora da história. Estreia prevista para janeiro de 2014.

    Com autoria de George Moura e direção de José Luiz Villamarim, a trama de amor e vingança é uma adaptação do livro ‘A Emparedada da Rua Nova’, de Carneiro Vilela, e reflete a história de sucesso do sertão, com as vinícolas e a exportação de frutas. Os atores Isis Valverde e Cauã Reymond já iniciaram as gravações, desde julho, pelo Vale do São Francisco, considerado o segundo polo produtor do vinho nacional, onde se destaca o segmento do enoturismo, com belas vinícolas e vinhedos.

    A região é composta pelos municípios de Juazeiro, Casa Nova, Curaçá, Remanso e Sobradinho. Isis Valverde divulgou recentemente em uma rede social um vídeo onde passeia de barco pelo Velho Chico, além de fotos das locações das filmagens.

    Forró

    O cantor Targino Gondim, pernambucano de nascimento e baiano por opção, treinou um grupo de 12 garotos que participarão das cenas de forró e a convite do diretor também gravará ao lado dos sanfoneiros mirins. Recentemente, Gondim publicou em sua rede social uma foto com os atores Isis Valverde e Cauã Reymond. O repertório contará com a música de sua autoria ‘Pra se Aninhar’ e terá sucessos do rei do Baião, Luiz Gonzaga, como ‘Asa Branca’ e ‘No Último Pau de Arara’.

    A minissérie será gravada durante três meses e, além dos municípios baianos, terá ainda gravações na cidade pernambucana de Petrolina. A outra parte do elenco deve desembarcar na Bahia ainda este mês de agosto para as filmagens.

    Enoturismo é um dos destaques do norte baiano

    Passear pelos vinhedos, participar da colheita da uva, conhecer de perto o preparo do vinho. Esse já foi um sonho distante para muita gente. Um roteiro que, até a alguns anos, só seria possível na Europa ou no sul do Brasil, mas que está se consolidando no Nordeste, na região baiana do Vale do São Francisco, segundo polo produtor do vinho nacional.

    Os roteiros incluem city-tour na cidade de Juazeiro e visita à Barragem do Sobradinho, para ver de perto o maior lago artificial do mundo e a eclusagem, uma espécie de elevador, que sobe e desce em função da água que entra e sai do reservatório. A gastronomia local pode ser apreciada no Bodódromo, espaço com dez restaurantes que servem carne de bode, de carneiro e outras comidas típicas do sertão.

    O alto teor de açúcar é a principal marca dos vinhos do Vale do São Francisco, característica provocada pela exposição ao sol durante mais de três mil horas por ano. A qualidade dos vinhos vem sendo reconhecida com a conquista de inúmeras medalhas de ouro e de prata em concursos nacionais e internacionais.

    Com informações da Secom BA Imagens da Internet