O Amor é uma Utopia: Escritoras de Euclides da Cunha são premiadas pelo segundo livro lançado

Larissa Telles e Laís Telles são euclidenses, gêmeas e tão jovens já possuem duas obras literárias publicadas, sendo o livro “O Amor é uma Utopia: dos sabores aos dissabores” premiado e publicado através de incentivo cultural pela lei Aldir Blanc.

gemeas
Foto: Euclidesdacunha.com

Larissa sempre escreveu, desde a sua infância colecionando nos seus diários o cotidiano poético, quando alguns amigos de escola começaram a ter acesso aos escritos engavetados de Larissa e também dentro de redes sociais, começaram os pedidos dos leitores e assim surgiu a necessidade de publicar um livro, que certamente era um sonho antigo; foi no período da pandemia e com as pressões do vestibular que Larissa passou a produzir mais conteúdo literário como “terapia”, tirando assim férias do presente e imergindo em um mundo feito de palavras.

Laís Telles ingressou junto com sua irmã Larissa no processo de ilustração da obra literária primogênita “A Vida é um Café Amargo”, e na segunda obra “O Amor é uma Utopia” entrou não só como ilustradora, tornou-se coautora, somando  textos diversos, poesias, contos… ao livro premiado. “O Amor é uma Utopia” fala sobre as imperfeições nas relações, sejam elas entre casais, família ou amigos. Embora tão jovens, o olhar das autoras elenca muita sabedoria, provando que mesmo de forma ambígua a perfeição está na imperfeição, olhar de generosidade aos erros tão naturais do ser humano.

Os livros são sucesso em vendas e estão disponíveis através dos seguinte link:

https://www.canva.com/design/DAEvjOgM5Fo/B8IcTFJ7fsX6IlHwuUCofA/view

As escritoras são um orgulho para o interior baiano, lugar com tão poucas movimentações literárias, raro incentivo além dos muros escolares à leitura e escrita. Escrever um livro e tê-lo publicado não é tarefa fácil, diante de pouco recurso financeiro e em uma cidade interiorana que não dispõe de nenhuma facilidade para tal feito, mas Laís e Larissa mostram que esse sonho é tangível.

Fonte: Euclidesdacunha.com