Oposição na Assembleia prepara ofensiva contra o governo baiano pensando em 2014

    91e8d8ad64145ca229103d026cddc68fIniciado, de fato, o ano no legislativo baiano, a oposição na Assembleia Legislativa da Bahia já começou as articulações visando uma nova ofensiva contra o governo baiano. O primeiro passo aconteceu na manhã desta segunda-feira, através de uma reunião entre os deputados da minoria na Casa e os presidentes das legendas. Articulada pelo líder da oposição, Elmar Nascimento (PR), a principal pauta da reunião foi a unificação do discurso entre as siglas oposicionistas. “O objetivo da gente é unificar o discurso, fazer um levantamento para analisar o resultado das últimas eleições municipais e alinhar os nossos propósitos daqui pra frente”, afirmou o deputado.

    Em conversa com o Política Livre, Elmar relatou que será formada também uma comissão entre os presidentes das legendas e os líderes dos partidos, visando unificar uma pauta de viagens pelo interior baiano já pensando nas eleições de 2014. “2013 é um ano que nós precisamos trabalhar e mostrar que a Bahia tem sido conduzida de forma errada e fazer com que isso seja exposto nos quatro cantos da Bahia”, ressaltou.

    Quem também participou do encontro e demonstrou total sintonia com o discurso do progressista foi o deputado federal Antonio Imbassahy (PSDB). Para o tucano, os principais descontentamentos com o governo estão nas áreas da segurança, saúde e educação. Ele alegou que o governo já teve um resultado negativo nas últimas eleições e não modificou a forma de gestão.  “As coisas não andam bem e nós vamos fazer um trabalho de publicidade com números que mostram a necessidade do governo modificar os seus projetos. Eles receberam essa sinalização por parte da população e praticamente mantêm a mesma política de apadrinhamento, de fisiologismo e aparelhamento, achando que podem resolver o problema da população resolvendo o problema de parceiros partidários. Isso é um grave equívoco”, criticou.

    Fonte: Política Livre