Policiais civis param por 24 horas; categoria quer reajuste retroativo a janeiro

    310x370_1323380Os policiais civis do estado da Bahia iniciaram uma paralisação de 24 horas às 8h desta segunda-feira, 6. A categoria reivindica o reajuste salarial de 5,84% retroativo a janeiro.

    De acordo com o secretário-geral do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (Sindpoc), Bernardino Gayoso, o reajuste oferecido pelo governo contempla o aumento de 2,5%, de janeiro a junho de 2012, e 4,58% de julho a dezembro.

    Os policiais realizam uma assembleia às 9h desta segunda, na Associação dos Funcionários Públicos da Bahia, na Rua Carlos Gomes (centro), para avaliar a negociação do reajuste com o governo.

    “Nós temos direito à correção da inflação desde janeiro. Já estamos colando cartazes nas delegacias e convocando os 7,2 mil representantes da categoria para a assembleia”, afirmou Bernardino.

    A paralisação será aderida por 70% da categoria. Os outros 30% continuam as atividades de levantamento cadavérico e condução de flagrantes para a polícia militar.