Por que usar sapatilha para pedalar?

A sapatilha de ciclismo ou sapatilha mtb é um equipamento muito importante para os praticantes do ciclismo (independente do tipo de ciclismo que você pratica) e traz benefícios em diversos aspectos na pratica do esporte. Além de dar mais conforto para o momento das pedaladas, ela também é a responsável por dar mais estabilidade, firmeza e segurança proporcionando uma melhor performance ao seu usuário.

O principal papel das sapatilhas mtb é impedir que o pé se solte do pedal acidentalmente e, com isso, acaba sendo um importante item de proteção para o seu utilizador. Em caso de uma situação de queda, é possível soltar a sapatilha do pedal para evitar que se machuque gravemente.

Como o calçado fica preso ao pedal, o ciclista tem mais estabilidade e não movimenta os pés incorretamente, deixando a corrida mais confortável por não usar mais força que o necessário. Consequentemente, as sapatilhas evitam que o esportista sofra lesões e tenha dores nas articulações, aumentando, assim, seu desempenho.

O uso das sapatilhas mtb é indicado a todos os ciclistas, entretanto, é importante mencionar que, se você é novato nessa modalidade esportiva, é recomendado que treine o engate e o desengate da sapatilha no pedal para que em situações emergenciais, você consiga colocar o pé no chão rapidamente.

Se você já é um ciclista experiente e tem vontade de participar de competições, aumentar o seu tempo de pedalada, bem como o seu desempenho durante a atividade, com certeza as sapatilhas de ciclismo terão um papel importante nesses processos.

A escolha da sapatilha ideal é uma questão bastante particular de gosto pessoal e também vai depender do tipo de ciclismo que você pratica. Existem sapatilhas específicas para cada tipo de ciclismo e situação, como por exemplo, o ciclismo urbano, que é praticado em estradas, o cicloturismo ou o mountain bike. É importante ficar atento ao seu tipo de treino na hora de escolher a sua sapatilha mtb e ainda, avaliar questões como qualidade do material, conforto e bem estar. Veja abaixo os modelos principais:

Sapatilhas estilo tênis

Esse é o modelo mais versátil. Pode ser usado na cidade sem que o taquinho raspe o chão. O modelo da sapatilha assemelha-se ao de um tênis comum, o que o torna extremamente prático, pois não há necessidade de troca. Vale dizer que alguns possuem até cadarço, o que os deixa ainda mais urbanos.

Sapatilhas estilo Mountain Bike

Esse modelo é ligeiramente menos duro que o modelo de sapatilha speed. Por ser usado em longos trajetos, prioriza o conforto e a estabilidade dos ciclistas, motivo pelo qual possui altas travas e ranhuras que ajudam na fixação do pé e também protegem o taquinho, que tem dois pontos de fixação e permite que o pé alcance o chão em breves caminhadas, ao longo de trechos mais difíceis de lama e vegetação fechada, por exemplo.

Sapatilhas Speed

São indicadas para os ciclistas que andam em vias urbanas asfaltadas. Têm como característica a leveza, apesar do material de que são feitas ser mais rígido para garantir a firmeza no encaixe.

Possuem o taquinho maior, com 3 pontos de apoio, posicionados em formato triangular, o que garante maior conforto e aumenta o rendimento do esportista. Contudo, esse design específico faz com que a sapatilha só possa ser utilizada para pedalar.

Para ter resultados satisfatórios é muito importante que o esportista invita em uma sapatilha adequada para o seu tipo de ciclismo. Consultar um profissional de Bike fit para regular corretamente a sapatilha, também é muito importante para que lesões e dores no corpo em razão de uso inadequado do equipamento sejam evitadas.

Seja qual for o modelo, elas permitem um pedalar mais forte, utilizando ao mesmo tempo toda a musculatura das pernas, fazendo sua bike render mais, sem os perigos e fragilidades de um tênis comum, e claro, com muito mais segurança.