PRF registra 360 acidentes com 42 mortes na Bahia no fim de ano

650x375_1378966A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou 360 acidentes com 42 mortes e 301 feridos nas estradas federais que cortam a Bahia durante os 13 dias da Operação Fim de Ano 2013, que encerrou à 0h desta sexta-feira (3). Em relação ao ano de 2012, houve uma redução de apenas 3,48% na quantidade de acidentes e 16% em números de mortes. Já o número de feridos houve aumento de 20,4%. Em vista do aumento nacional da frota de veículos, segundo dados do Denatran, houve uma redução de 10% e 21,7% no número de acidentes e mortes, e crescimento de 12,2% no número de feridos.

De acordo com informações da PRF, as principais causas dos acidentes graves foram a falta de atenção dos motoristas e falta de respeito às leis de trânsito. O maior número de acidentes foi registrado na BR-116 (9) seguido da BR-101 (7) e BR-242 (5). Na BR-020 foram registrados três acidentes. Cinco pessoas morreram e quatro ficaram feridas em um deles.

Infrações
Foram fiscalizados 17.607 veículos e 16.969 pessoas em todo o estado, sendo 7.020 notificações de trânsito, o que representa um aumento de 52,5% em relação a 2012. A principal infração registrada foi a ultrapassagem indevida (1.631 notificações).

Além disso, 283 condutores foram notificados por problemas com equipamentos obrigatórios e 476 pela falta do uso do cinto de segurança. Das 2.231 motocicletas fiscalizadas, 234 foram autuadas por algum tipo de irregularidade. Também foram emitidas 389 notificações por irregularidades ou ausência da Carteira Nacional de Habilitação, sendo 62 recolhidas. 217 documentos veiculares (CRLV) e nove documentos, entre CNHs e CRLVs, foram apreendidos por haver indícios de adulteração ou falsificação.

Nesta operação, a fiscalização da PRF com os radares flagrou um total de 14.189 veículos acima da velocidade. Além disso, 66 condutores foram autuados por dirigir alcoolizados e 13 foram presos por crime de embriaguez no trânsito. Em 2012, 28 motoristas foram presos por embriaguez, mais do que o dobro registrado em 2013.

No total, durante a operação de fim de ano, 89 pessoas foram presas e encaminhadas à Delegacia de Polícia Judiciária por crimes, tais como embriaguez ao volante, mandado de prisão em aberto, receptação de veículos, falsificação documental e porte ilegal de arma de fogo. (G1/BA Foto Sigi Vilares)