Professor universitário morre após contrair Zika Vírus

brunoO Zika Vírus segue fazendo vítimas por todo o país, Bruno Rodrigues de Almeida, 37 anos,  professor de Direito Internacional da Universidade Rural do Rio, morador de Niterói, morreu segunda passada.

Segundo seus pais, o falecimento foi decorrente de complicações do zika. A professora Carmem Tiburcio, orientadora da dissertação de mestrado dele no Programa de Pós-Graduação em Direito na Uerj, enviou uma mensagem emocionada em rede social para os colegas de profissão.

Um trechinho: ” Do relato do seu pai, além de uma dor sem fim, constatei um total abandono dos cidadãos pelos nossos governantes nas esferas federal, estadual e municipal e pelas autoridades em geral. A epidemia causada pelo zika vírus parece preocupar mais à comunidade internacional do que os nossos governantes, bem como os postos de saúde aos quais Bruno se dirigiu aparentemente não deram maior atenção ao caso pois o liberara. Também o seu pai relatou as deficiências da emergência e bombeiros que não desempenharam bem o seu papel. Não podemos nos calar em memória de Bruno e dos seus sonhos interrompidos. Sem dúvida, estamos vivendo um momento lamentável no nosso país, estado e cidades (RJ e Niterói).”  destacou.