Professores usam criatividade para atrair atenção dos alunos no verão

    Em vez do tradicional ambiente escolar – sala de aula, piloto e lousa -, os professores da rede estadual estão utilizando a criatividade para atrair a atenção dos estudantes nas aulas durante o verão. Apresentação de vídeos, exposições culturais, mostras e experimentos são algumas das alternativas para fazer com que as aulas sejam mais interessantes e estimular a participação do aluno.

    Na Bahia, cerca de cem unidades escolares da rede estadual de ensino adotam calendário especial de aulas em cumprimento aos 200 dias letivos do ano de 2012. A Escola Técnica Estadual Newton Sucupira e o Colégio Estadual Padre Palmeira, ambas em Salvador, fazem parte deste grupo que possui, no calendário, aulas também aos sábados.

    O professor de Física, George Matos, da Escola Técnica Estadual Newton Sucupira, em Salvador, explica como tem sido as aulas. “A gente está procurando fazer algo diferenciado, principalmente nas aulas de sábados, tentando abordar o assunto de modo atrativo, exibindo vídeo, fazendo experimentos, exposições culturais, de ciência e alguns passeios”.

    Segundo ele, os estudantes estão reconhecendo o esforço dos professores. “Fizemos um passeio para uma faculdade, onde os alunos do 3º ano [ensino médio] puderam conhecer um pouco mais a diversidades de cursos e áreas de atuação. Isso é importante para o momento que eles estão vivendo”.

    Para a professora de Língua Portuguesa, Márcia Maria, do Colégio Estadual Padre Palmeira, na capital, atrair a atenção do aluno neste período só é possível se trouxer um pouco da realidade dele pra dentro da escola. Ela trabalha com livros já lidos e tenta fazer com que eles interajam e se interessem mais pela leitura e regras gramaticais.

    “Estou fazendo um projeto chamado o Bem Amado, revendo os autores preferidos de todo o ensino médio, brasileiros, clássicos, que eles já leram. Ficou todo mundo empolgado. Estamos trabalhando conteúdos de forma mais atrativa”, disse a docente.

    Iniciativa beneficia alunos que se preparam para vestibular

    As aulas diferentes já contam com o reconhecimento dos alunos, que se mostram atentos aos temas desenvolvidos. A estudante Elaine Mendes do Carmo, 11º ano, da Escola Newton Sucupira, afirma que a proximidade com o vestibular deixa o assunto mais atual. “Para nós que estamos próximos do vestibular, as aulas estão progredindo muito bem. Os professores estão se doando para dar o máximo de assunto. Estão utilizando nas aulas uma forma bem didática que chama nossa atenção. Estamos nos sentindo valorizados”.

    Apesar de toda dedicação dos professores, a estudante Viviane Mascarenhas, do 10º ano no Colégio Padre Palmeira, afirma que preferia estar de férias, mas, como tem aula, participa diariamente. “Os professores estão tentando ajudar os alunos, as aulas ocorrem bem, está tudo normal, mas, sinceramente, eu preferia estar de férias”.

    Matrículas 2013

    A maioria das 1.413 escolas da rede estadual já concluiu as aulas em dezembro. Das cem unidades com calendário especial, algumas vão finalizar as atividades letivas em janeiro e outras no final de fevereiro. A medida busca garantir o atendimento dos 200 dias referente ao ano letivo de 2012. Para 2013, as matrículas na rede estadual serão iniciadas em 19 de fevereiro.