Riachão do Jacuípe – Jovem morre e três ficam gravemente feridos em acidente na BR 324

acidente-na-br-3241Um grave acidente por volta das 09h45 deste domingo,06, na BR 324, trecho entre os municípios de Riachão do Jacuípe-Nova Fátima resultou na morte do jovem João Rodrigo Jesus dos Santos, 19 anos, e deixou em estado muito grave Mariel do Carmo Silva, 19, André Carneiro Lima, 34, e José Adailton Amorim de Oliveira, 28.

Segundo informações eles saíram do Povoado de Vila Aparecida, Município de Riachão do Jacuípe para disputar um torneio de futebol no Bairro Bela Vista na sede de Riachão do Jacuípe,  no veiculo modelo Gol de placa JNO 9307 licença de São Domingos, quando o condutor (não foi informado quem) ao passar pela localidade conhecida por Abóboras, perdeu o controle do veículo, saiu para o acostamento e ao retornar perdeu o controle e capotou no lado oposto.

acidente-na-br-324.2Todos os quatro ocupantes foram socorridos para o Hospital Municipal de Riachão do Jacuípe – HMRJ que fica a cerca de 15 km do local do acidente, onde Rodrigo deu entrada sem vida, Mariel e André foram transferidos com suspeita de Traumatismo Craniano Encefálico – TCE para Feira de Santana ou Salvador. Adailton até por volta das 13h enquanto o CN esteve no HMRJ permanecia na unidade aguardando a regulação para transferência. Ele também inspira cuidados, pois sofreu forte pancada na cabeça e não sabe contar nada que aconteceu e queixa de sonolência.

A BR 324 vem passando por um rigoroso serviço de recuperação, em pleno domingo está acontecendo bloqueio parcial da pista, pelo fato de existir homens e máquinas no trecho, e justamente esse serviço é o que vem sendo apontado por pessoas mais ou menos entendida no assunto e até mesmo leigos, todas são unânimes em dizer que o desnível do asfalto para o acostamento foi o que provocou a tragédia, conforme pode ser observado nesta foto quando a repórter Alana Adrielle desce do asfalto para o acostamento, foi possível ouvir o barulho da parte baixo do veículo tocando no asfalto.

O comerciante conhecido por Ney da Sucata disse que estava viajando logo atrás do carro que capotou e viu o momento que ele, possivelmente tentou se livrar de uma colisão e saiu para o acostamento, como está muito alto, ao retornar perdeu o controle e caiu no outro lado. Ele fez uma medição com as palmas das mãos  e concluiu que a diferença do asfalto para o acostamento de aproximadamente 30 cm.

As informações e fotos são do Calila Notícias