Rodrigo Gomes consegue reverter decisão judicial e retorna à presidência da Câmara de Cansanção

hqdefaultA decisão Judicial que conduziu o vereador Júnior César Amado a presidência da Câmara de Vereadores de Cansanção durou pouco mais de 48 horas, o vereador Rodrigo Gomes, conseguiu reverter a ação e está de volta a presidência.

Rodrigo entrou com um Agravo de instrumento na comarca de Cansanção contra uma decisão proferida pelo Juízo de Direito da Vara dos Feitos Relativos as Relações de Consumo, Cíveis e Comerciais da Comarca de Monte Santo que havia concedido uma decisão favorável a uma Ação movida pelos vereadores Júnior Cesar Amando Silva, Newton Bispo Pereira, Rodenilton Costa Oliveira e Cirilo Araújo Damasceno cancelando a eleição da Mesa Diretora da Câmara de Cansanção que elegeu Rodrigo Gomes presidente.

Júnior assumiu a presidência da Câmara na última sexta-feira (29) em uma sessão bastante polêmica, na oportunidade, a Câmara estava fechada e o edil juntamente com os vereadores de oposição não quiseram esperar a terça-feira, dia em que ocorre as sessões e teriam contratado um chaveiro para arrombar a porta da casa legislativa e empossar a nova mesa diretora. Com a nova decisão, o vereador Júnior será obrigado a devolver a chave da Câmara já na manhã desta segunda-feira (02).

f2c5bb86-2682-496b-9379-200756135ddc