Segurança online: formas de se proteger dos ataques modernos

Muitas pessoas ainda se indagam quando escutam o termo VPN, não sendo incomum ouvirmos a pergunta: vpn o que é? Mas, a verdade é que o serviço oferecido por empresas como a ExpressVPN vai muito além de uma alternativa para acessar o catálogo americano da Netflix, ou assistir a todos os jogos da Liga dos Campeões da UEFA.

A utilização de uma VPN permite uma navegação na internet de maneira anônima e segura, evitando uma série de problemas graves relacionados a invasões e roubos de dados, mas também permite algumas ações que são um tanto inconvenientes.

Riscos de utilizar a internet sem uma VPN

Quando você faz uso da internet, sem a utilização de uma VPN, você transmite as suas informações de acesso através da empresa que lhe promove o acesso à rede, sendo que está instituição negocia os seus dados com outras entidades, ou até mesmo com agências governamentais.

Entre os principais registros das suas atividades, que são fornecidos a terceiro, estão dados como o descarregamento de ficheiros, número de IP, sites visitados, software utilizado, quantidade de dados transferidos, data e duração da navegação ou ligação e até a quantidade de dados transferidos.

A grande questão é que estas informações são potencialmente sensíveis, e a utilização inadequada destas pode não só criar algum desconforto, proveniente de propagandas, mas também representar alguma fragilidade para algum tipo de ataque ou ameaça.

Quais são os riscos dos acessos aos meus dados

Mas ainda assim, por mais que você saiba que estes dados ficam, expostos, o que uma pessoa mal-intencionada pode fazer com eles? Caso esta seja a sua dúvida, vamos a exemplos claros:

Sua localização exata – Os dados de acesso do seu smartphone, juntamente com o registro de data e hora de conexão em alguma rede, pode indicar os horários mais frequentes que você entra e sai de casa, da empresa, ou de qualquer outro lugar;

Qual o seu antivírus – A verdade mais absoluta sobre um antivírus é que ele não apresenta uma proteção total sobre todos os vírus existentes. Basicamente o Avast apresenta proteção contra alguns vírus enquanto, o Norton apresenta uma proteção contra outros. Como os seus dados apresentam os programas que você utiliza, é fácil observar qual é o seu ponto mais vulnerável;

Acessos aos seus downloads – Referente ao descarregamento de ficheiros a questão é ainda mais sensível, afinal quase todo mundo já recebeu alguma foto comprometedora, e não estou falando dos famosos “nudes”, que por si só já podem ser utilizados para chantagens e extorsões, mas sim de fotos contendo dados pessoais, como registro de documentos, fotos do cartão ou senha do banco e qualquer outra informação estritamente pessoal.

Como vimos o acesso aos dados e informações de navegações são muito mais importantes do que muita gente acha. Por mais que estes dados sejam negociados entre grandes empresas, estamos falando de informações passando na tela de uma série de funcionários e terceiros, que não temos o menor conhecimento de quem sejam e de quais as intenções destas pessoas com estes dados.

....