Esposa enterra servidor público com R$ 176 mil no bolso para poder agradar a Deus no Juízo Final

blog ugandaUm servidor público de Uganda foi enterrado, a seu pedido, juntamente com o equivalente a R$ 176 mil em moeda local (shillings ugandenses) com o objetivo de “agradar a Deus no Juízo Final e obter perdão para os seus pecados”.

Charles Obong, de 52 anos, morreu em 17 de dezembro. A esposa respeitou o desejo de companheiro e pôs o dinheiro no caixão de metal, contou o site “Daily Monitor”, de Uganda.

Entretanto os planos do falecido fracassaram. No último fim de semana, o seu túmulo foi violado e o dinheiro foi retirado por parentes dele.