Sócio da boate Kiss tenta se matar e é algemado na cama para evitar nova investida

    IMAGEM_NOTICIA_5O delegado Marcelo Arigony, que cuida das investigações do incêndio na boate Kiss, em Santa Maria (RS), confirmou nesta quarta-feira (30) que um dos sócios da casa noturna, Elissandro Spohr, conhecido como Kiko, tentou se matar na noite desta terça-feira (29).

    O empresário está internado, sob custódia, em um hospital na cidade de Cruz Alta e teria usado a mangueira do chuveiro para tentar se enforcar. “Mas ele está bem e foi agora algemado na cama para evitar novas tentativas”, disse o delegado.

    A boate Kiss foi palco da tragédia que matou 235 pessoas vítimas de um incêndio na casa noturna no último domingo (27).