Vereador quer impedir atendimento a travestis e transexuais em Centro de Referência da Mulher de Feira de Santana

vereaO vereador Edvaldo Lima (PP) falou durante sessão na Câmara de Feira de Santana ser contrário ao atendimento a travestis e transexuais no Centro de Referência da Mulher Maria Quitéria (CRMQ). Lima diz que o local é voltado exclusivamente ao atendimento a mulher.

De acordo com a secretaria municipal de Comunicação Social, 25 Profissionais do CRMQ participaram de treinamento para atender  transexuais e travestis. A iniciativa, conforme a coordenação do Centro visa assegurar a defesa dos direitos de vítimas da violência doméstica.

Ao Acorda Cidade, Edvaldo falou que dinheiro público não pode ser utilizado para o que considerou como “aberração”, acrescentando que não é homofóbico e apenas luta pelos direitos da comunidade.

“Não podemos enterrar dinheiro público com essa aberração. Querem diferenciar a posição que nasceram, porém diante do que Deus criou eles nunca vão mudar. Nasceu homem tem que ser atendido em local para homem”, disse.

O vereador do partido progressista promete fazer um requerimento solicitando ao governo municipal que esse atendimento seja cancelado. Edvaldo diz também que fará uma visita ao CRQM para tentar entender a iniciativa.

Sobre um possível protesto após o pronunciamento, Edvaldo falou que não se preocupa, pois teme apenas a Deus. (Com informações e foto do Acorda Cidade) Foto: Franklin Doria/CMFS