Wagner bate martelo sobre escolhido: “Agora é Rui se colocar e se apresentar”

xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.RB2qhXWS6BA dois dias da cerimônia de posse da nova diretoria do PT, em Salvador e na Bahia, para quando está previsto o anúncio oficial do nome do candidato petista para concorrer à sucessão estadual, pela primeira vez, o governador Jaques Wagner admitiu a escolha do secretário da Casa Civil, Rui Costa.

Em entrevista à Rádio Metrópole na manhã desta quinta-feira (28), o gestor ponderou que “tem que respeitar todo mundo” e que “a riqueza do PT é a sua unidade”, mas antecipou: “Vai bater o martelo amanhã. A minha indicação para o diretório estadual do PT é o secretário da Casa Civil. Agora é Rui se colocar e se apresentar”, afirmou o petista.

Nesta sexta (29), o diretório estadual da sigla terá uma reunião no Hotel Fiesta, na capital, para a qual foram convidados os quatro pré-candidatos da legenda e que, de acordo com o novo presidente do partido na Bahia, “não tem hora para acabar”. (BN)