Acusados de matar PMs em Feira de Santana são mortos em confronto com a polícia

    77

    Os dois homens acusados de matar os dois policiais militares na última quinta-feira (8) em Feira de Santana, foram mortos durante uma troca de tiros com policiais por volta das 22h desta quinta-feira (8) no Engenho Velho de Brotas, em Salvador.

    Segundo informações do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), os suspeitos reagiram à tiros quando policiais foram cumprir mandados de prisão contra os dois.

    Os criminosos foram identificados como Júlio Sandro, conhecido como ‘Startone’, e um outro de prenome Fábio, o Binho. Startone, que já era acusado de matar um sargento da PM, havia sido transferido do Conjunto Penal de Feira de Santana para a Cadeia Pública de Salvador. Ele comandava o tráfico de drogas e assaltos de dentro do presídio.

    Os dois policiais foram mortos quando seguiam para um curso de formação de cabos, na sede do 1º Batalhão da PM, em Feira. Wilson Raimundo Santos e Raimundo Lacerda da Paixão, 49 anos, foram mortos a tiros no bairro Alto do Papagaio. O Núcleo de Homicídios da Polícia Civil investiga o motivo do crime, que aconteceu por volta das 16 horas.

    Pistas levantadas no local do crime indicam que os dois tenham sido vítimas de uma tentativa de assalto. A arma de Raimundo foi roubada pelos bandidos. Em nota, a polícia informou ainda que a ação criminosa não está vinculada à atividade policial dos envolvidos, mas, sim, a “questões particulares, não esclarecidas”.

    Raimundo era lotado na 27ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Cruz das Almas) e atualmente realizava o curso em Feira de Santana. Diligências estão sendo realizadas para identificação e localização dos autores do crime.

    (Informações do Correio)

    ....

    Veja Também

    COMPARTILHAR