Mulheres são ‘a nova força que move o Brasil’, diz Dilma

A presidente Dilma Rousseff afirmou em pronunciamento de oito minutos, em rede nacional, neste sábado (8) – Dia Internacional da Mulher –, que as mulheres são “a nova força que move o Brasil”. No discurso, a mandatária nacional citou o papel das brasileiras na economia, dados da ascensão social nos últimos anos e a participação feminina em políticas do governo. De acordo com a petista, nos últimos onze anos, das 36 milhões de pessoas que saíram da extrema pobreza e das 42 milhões que ascenderam à classe média, mais da metade é de mulheres. “O Brasil criou, nos últimos três anos, 4,5 milhões de empregos. Mais da metade desses empregos, com carteira assinada, foram conquistados pelas mulheres. Por este e outros motivos, podemos dizer que a mulher é a nova força que move o Brasil. Mas temos que admitir que o Brasil precisa ainda dar mais força às suas mulheres”, discursou a presidente. Segundo ela, “tudo” o que as mulheres conquistaram no país é fruto de “esforço” e “coragem” de cada uma, além do “apoio de suas famílias”. Dilma afirmou ainda que entre as 20 maiores economias do mundo, o Brasil é, proporcionalmente, o país que possui o maior número de mulheres empreendedoras.”Mulheres que abrem seus próprios negócios e enfrentam, com coragem e competência, as dificuldades para crescer e prosperar”, pontuou, ao associar o desempenho à criação de novas linhas de crédito oferecidas no território brasileiro.

AROLDO PINTO E DILMA

Empresário do Cheiro de Amor diz que Carnaval de 2014 foi o ‘pior’ de sua vida


O empresário da banda Cheiro de Amor, Windson Silva, afirmou que o Carnaval de 2014 foi o pior carnaval de sua vida. A declaração foi dada diante das declarações de que a cantora Alinne Rosa teria sofrido um boicote durante a festa. Saiba os motivos que levaram o empresário a considerar o Carnaval de 2014 o pior que já vivenciou, até então.

CONTINUE LENDO ACESSANDO O LINK ABAIXO:

http://www.bahianoticias.com.br/holofote/noticia/34559-empresario-do-cheiro-de-amor-diz-que-carnaval-de-2014-foi-o-039-pior-039-de-sua-vida.html

Rui Costa lança caravana do programa de governo participativo em Juazeiro


O pré-candidato do Partido dos Trabalhadores (PT) ao governo da Bahia, Rui Costa, iniciou, neste domingo (9), o diálogo com a população dos territórios Sertão do São Francisco e Piemonte Norte do Itapicuru para a construção do Programa de Governo Participativo (PGP). A caravana, que já percorreu dez territórios de identidade, chegou a Juazeiro e reuniu cerca de duas mil pessoas no Bougainville Eventos. “Estamos percorrendo o estado e ouvindo o desejo da população para o Programa de Governo Participativo. Hoje, foi o início dos trabalhos. Os diálogos sobre esses dois territórios seguem durante 60 dias. Vamos pensar o desenvolvimento regional a partir da construção conjunta”, explicou Rui. O pré-candidato ao Senado, Otto Alencar (PSD), disse que Rui vai preparar o governo da fronteira da Bahia até Salvador e enfatizou o trabalho que pretende ser realizado em prol do interior, do semiárido. “É por isso que estamos aqui, ouvindo o povo. Sabemos que cada um tem muito a dizer”, afirmou Otto. Ele defendeu, ainda, a necessidade de se fazer a reforma tributária no país, como questão essencial para o avanço do Nordeste. A sociedade civil organizada fez parte do ato, com a participação de representantes da Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar do estado da Bahia (Fetraf-BA), do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), do Conselho Estadual de Juventude, entre outros. Lideranças dos partidos aliados PSD, PCdoB, PDT, PP, PR, PRB, PSL, PTB e Solidariedade também participaram do ato.

Lula vai à Itália para palestra e almoço com primeiro-ministro

Luis Inácio e Aroldo Pinto

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva viaja nesta segunda-feira (10) para Milão, na Itália, onde faz uma palestra para o Conselho Administrativo da Pirelli na terça (11). A informação foi divulgada à imprensa pela assessoria de comunicação do ex-mandatário nacional, que não confirmou o valor a ser recebido pelo petista. A convite do primeiro-ministro Matteo Renzi, Lula ainda vai a Roma na quarta (12) para um almoço diplomático. Ele retorna a São Bernardo do Campo (SP) no mesmo dia.

Fonte: Bahia Notícias

Morre o ex-presidente do PSDB, deputado Sérgio Guerra

Aroldo Pinto e Sérgio Guerra, ex-presidente nacional do PSDB

Ex-presidente do PSDB, o deputado Sérgio Guerra morreu na manhã desta quinta-feira (6), no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, vítima de um câncer. “É com tristeza que informamos o falecimento do ex-presidente nacional do PSDB e presidente do ITV, deputado federal Sérgio Guerra”, diz mensagem postada no perfil oficial do PSDB no Twitter.

Vitória de Campos não surpreenderia, avalia PRB

O presidente do PRB, Marcos Pereira, diz que o governador Eduardo Campos (PSB) seria um candidato mais forte do que o senador Aécio Neves (PSDB) num eventual segundo turno contra a presidente Dilma Rousseff. “Não me surpreende se ele até vencer a eleição”, diz Pereira, na questão 5. Segundo ele, “dificilmente” a eleição presidencial “será decidida no primeiro turno. Pereira avalia que, numa segunda fase, Campos “daria um pouco mais de trabalho” para Dilma. O PRB vai apoiar a reeleição da presidente. Na pergunta 3, o presidente do PRB diz que o PT fez “propaganda mentirosa” contra Celso Russomano, candidato do partido a prefeito de São Paulo em 2012. Na questão 6, ele comenta o “estilo próprio” do deputado federal Pastor Marco Feliciano (PSC). Diz que deve ser respeitado, mas que ele, Pereira, é “contra certos radicalismos”.

Pergunta 4 – ‘PT mentiu sobre Russomano’

Pergunta 5 – ‘Eleitor tucano votaria em Campos no segundo turno’

Pergunta 6 – Opinião sobre Marco Feliciano

Fonte: Blog do Kennedy Alencar

Colégio em Salvador é rebatizado e ganha nome de Marighella


A nova denominação do antigo Colégio Estadual Presidente Emílio Garrastazu Médici, no bairro do Stiep, em Salvador, foi publicada no Diário Oficial da última sexta-feira (14). Conforme portaria assinada pelo secretário estadual de Educação, Osvaldo Barreto, a unidade passa a se chamar Colégio Estadual do Stiep Carlos Marighella, em homenagem ao guerrilheiro. A mudança foi decidida em eleição realizada na instituição de ensino. Cerca de 70% dos professores, funcionários e alunos optaram pelo novo nome, em substituição ao do general que governou o país entre 1969 e 1974, durante a ditadura militar.

Projeto do governo federal proíbe máscaras em manifestações


A proibição do uso de máscaras para manter o anonimato em manifestações estará presente em um projeto de lei que o governo encaminhará ao Congresso, provavelmente esta semana, em regime de urgência. De acordo com o Estadão, o texto também amplia as punições em caso de dano ao patrimônio público e estabelece o agravamento da pena para quem cometer atos de lesão corporal. “Quem quiser pintar o rosto pode pintar, mas o projeto veda o anonimato. É permitido o uso de máscara desde que as pessoas se identifiquem à autoridade policial”, afirmou o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo. “As pessoas têm de arcar com as consequências do que fazem, não podem se esconder atrás de uma camisa cobrindo o rosto. Ninguém pode se infiltrar em manifestações para depredar o patrimônio, agredir, matar e não ser punido”, completou. De acordo com a matéria, serão considerados crimes de desobediência os casos em que manifestantes mascarados se recusarem a apresentar identificação. A atual pena para danos ao patrimônio público é de seis meses a um ano de reclusão. O governo acredita que a penalidade é “muito baixa’. “Em vários países, como a França e o Canadá, existem leis mais duras, que garantem a liberdade de expressão, mas coíbem com rigor a prática de crimes, os atos de vandalismo. É isso que estamos fazendo”, disse Cardozo.

Diplomatas dos EUA têm 48 horas para deixar Venezuela, diz chanceler


O chanceler venezuelano, Elías Jaua, informou que a partir desta segunda-feira (17) os diplomatas americanos Breean Marie Mc Cusker, Jeffrey Gordon Elsen e Kristopher Lee Clark terão (veja aqui) 48 horas para deixar o país, após terem sido declarados neste domingo (16) personae non gratae na Venezuela, acusados de apoiar atos violentos das manifestações estudantis que ocorrem desde a semana passada. Em pronunciamento, Jaua disse que o governo venezuelano teve acesso a cópias de e-mails trocados entre os funcionários americanos e estudantes, o que comprova que os Estados Unidos estão “financiando os grupos violentos que atuam nas manifestações”. O chanceler apresentou dados sobre um suposto plano da embaixada norte-americana, organizado e promovido para financiar os atos violentos e desencadear uma crise política no país. Ele mostrou três documentos do Wikileaks, pertencentes ao serviço de inteligência americano, com data anterior aos atos desta semana, datados de 2010 e 2011. “Os arquivos mostram que estudantes expressaram interesse em receber apoio dos Estados Unidos e que representantes do governo americano viajaram a Mérida [Oeste do país] para entrar em contato com líderes estudantis em 2010. Em 2011, outro documento mostra a intenção de Washington de aumentar em US$ 30 milhões o financiamento de processos desestabilizadores, devido à proximidade das eleições“, detalhou. Segundo Jaua, um outro arquivo mostra interesse dos EUA em apoiar a “sociedade civil na defesa da democracia”. Além de declarar a expulsão dos diplomatas, conforme anúncio de Maduro na noite de domingo (16), Jaua voltou a criticar os Estados Unidos por recomendarem ao governo venezuelano negociar com os setores opositores. “Ninguém pode dizer ao governo da Venezuela que mude sua forma de atuar contra os grupos violentos”, enfatizou.

Fonte: Bahia Notícias