Azaleia esclarece fechamento de unidades no interior da Bahia

    163

    A Vulcabras/Azaleia explicou, por meio de nota, nesta quinta-feira (6), o fechamento das filiais da empresa nos municípios de Caatiba, Firmino Alves, Itambé, Itapetinga, Itororó e Macarani. “A Vulcabras/Azaleia vem tentando preservar sua competitividade, o que não tem ocorrido e, dessa forma, registrou sucessivos e elevados prejuízos financeiros em decorrência do aumento da competição, causado pela excessiva entrada de produtos importados a preços muito baixos, não compatíveis com a estrutura de custos na Bahia”, diz o texto. A empresa também classifica o fechamento como “irreversível” e diz que aplicará uma “complexa estratégia de reestruturação das operações industriais na Bahia”. Segundo o documento, as atividades da Vulcabras/Azaleia no estado devem se concentrar apenas na matriz, em Itapetinga.

    ....

    Veja Também

    COMPARTILHAR