1,4 milhão de eleitores ainda não fizeram recadastramento biométrico na Bahia

Faltando onze dias para o final do prazo do recadastramento biométrico obrigatório, o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) informou, na manhã deste sábado (20), que 1.437.608 eleitores (32,1%) baianos ainda não fizeram o recadastramento biométrico e podem ter o título cancelado.

A realização do procedimento chega ao fim do dia 31 de janeiro. “Não haverá prorrogação do prazo”, ressaltou o órgão.

Segundo o TRE-BA, somadas, as 51 cidades onde os eleitores são obrigados a passar pelo procedimento contam com 4.475.012 eleitores. Deste total, 3.037.404 (67,87%) realizaram o recadastramento.

Foto reprodução

Em Salvador, mais de 700 mil eleitores ainda não fizeram o recadastramento. Segundo o TRE-BA, a capital do estado conta com 63,09% dos seus 2.013.061 eleitores biometrizados.

Eleitores que têm prazo estendido

Três perfis de eleitores não precisam, obrigatoriamente, fazer o recadastramento biométrico até o dia 31 de janeiro deste ano. A informação foi divulgada pelo desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano, presidente do Tribunal Regional da Bahia (TRE-BA).

Rotandano detalhou que poderão fazer o recadatramento até o dia 9 de maio:

  • Eleitores que não votaram nas três últimas eleições
  • Eleitores que vão fazer o primeiro título
  • Eleitores que vão fazer transferência de título

O dia 9 de maio é quando vai ocorrer o fechamento do cadastro eleitoral. As pessoas que têm pendências com Justiça Eleitoral têm até lá para fazer a regularização.

Os demais eleitores são obrigados a cumprir o prazo determinado, que não será prorrogado. “O dia 31 de janeiro é o final da revisão eleitoral e que, posteriormente, se estará cancelando os títulos dessas pessoas que não compareceram, infelizmente”, disse o presidente do TRE.

O recadastramento é obrigatório apenas nos municípios abaixo:

Foto reprodução

....

COMPARTILHAR