Amor de Mãe: Leila passa a perna em melhor amiga para fisgar Belizário

39

Leila (Arieta Corrêa) vai tirar o pé da cova de vez para dar uma rasteira em Penha (Clarissa Pinheiro) em Amor de Mãe. A mãe de Brenda (Clara Galinari) não resistirá ao charme de Belizário (Tuca Andrada). Depois de sair da prisão, o malandro vai se encantar pela ex-mulher de Magno (Juliano Cazarré) bem debaixo do nariz da “rainha do crime”.

O policial corrupto assumiu um crime no lugar de Álvaro (Irandhir Santos) e enfim se livrará do xilindró nas cenas que serão exibidas nesta segunda-feira (9) no folhetim de Manuela Dias.

Amor de Mãe
Amor de Mãe

O bandido vai correr para os braços da viúva de Wesley (Dan Ferreira), mas ficará mesmo interessado é a na personagem de Arieta Corrêa. A megera atenderá a porta enquanto a amiga se arruma e, de cara, levará uma cantada do malandro interpretado por Tuca Andrada.

“Opa, você eu não conheço. E olha que eu não sou de esquecer mulher bonita”, disparará o cúmplice do dono da PWA, cheio de charme.

O clima entre os dois vai ser quebrado assim que Penha, emperequetada da cabeça aos pés, der as caras na sala de seu novo apartamento. Ela agarrará Belizário na frente de Leila para comemorar que triplicou o patrimônio que o leão de chácara tinha deixado sob sua responsabilidade.

“É tudo nosso”, afirmará a personagem de Clarissa Pinheiro nos braços do criminoso, sem imaginar que Leila está prestes a se mostrar uma tremenda fura-olho.

Capaz de amar?

Belizário fez Penha se apaixonar e desistir de sua vingança. Ela virou bandida depois que se envolveu com ele. Questionado, Tuca Andrada declara que o sentimento de seu personagem pela mulher pode, sim, ser verdadeiro. Para o ator, os assassinos são capazes de amar.

“Você pode ser até um serial killer e ter um lado doce, entendeu? O ser humano é paradoxal, mas o amor também só nos muda até determinado ponto. Uma grande paixão pode, sim, levar a uma mudança completa de sua visão do mundo. Porém, também dá para se apaixonar e continuar sendo bandido”, comenta o artista.

Tuca Andrada não acredita que seu personagem tenha redenção, porque ele é muito frio e cínico. Além disso, ele aposta que o assassino se manterá fiel a Álvaro até o fim. “Ele tem uma fidelidade canina. Pode ser que mude, mas não tenho nenhuma prova disso, ninguém da direção me disse nada”, despista.