Baiano inova e desenvolve combustível automotivo à base de mel de abelha

xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.o5ePZ7X-HhUm pesquisador baiano desenvolveu um projeto revolucionário e um tanto quanto inusitado: ele elaborou um combustível automotivo produzido a partir do mel de abelhas. A inovação tecnológica foi apresentada no último Congresso Baiano de Apicultura.

De acordo com Luiz Jordans, responsável pelo invento, “o objetivo principal era a formulação de óleo em grau alimentício, também à base do mel de abelhas”. “Como nem todo o estoque era aproveitado na fase de testes, e para evitar-se o descarte, surgiu a ideia de desenvolver um combustível a partir desse óleo”, explica. Segundo Jordans, não há a necessidade de adaptações técnicas ou mecânicas nos automóveis.

“Hoje, temos um carro da nossa empresa que está sendo abastecido com esse combustível, mas já realizamos testes em outros automóveis e constatamos que todo veículo está apto a receber o produto. Funciona normalmente, como o etanol”, explica.

O projeto teve incentivo da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB) e da sua própria empresa, APIS Jordans, com sede em Barra do Choça, município da micro-região de Vitória da Conquista.

O pesquisador conta que o projeto da criação do óleo alimentício à base de mel continua em andamento. “A nossa principal ideia é a sustentabilidade”, afirma.