Banco financia reforma de casa entre R$ 1 mil e R$ 180 mil; saiba como

RTEmagicC_reformafinanciada_1.jpgA primeira parcela do 13º salário já entrou na conta e você olha para a parede da sua sala toda descascada com a cor do último Natal e vem aquela vontade incontrolável de começar uma reforma. Desejos como esse proliferam-se nas casas nesse período do ano. O problema é quando o desejo é maior do que o dinheiro disponível. Mas, nessas situações, é possível fazer parcelamento em até 96 meses. Ou seja, reforma a casa agora e tem até 8 anos para pagar.

Essa forma de financiamento da reforma é possível através do Construcard da Caixa Econômica Federal. Através do cartão, o cliente – que precisa ter conta no banco – pode fazer compra dos produtos de material de construção em mais de 200 cidades da Bahia. Em Salvador, há lojas credenciadas em 185 bairros da cidade. A lista completa de lojas credenciadas com endereço e telefone  pode ser acessada no site (www1.caixa.gov.br/construcaocivil).

As prestações mensais são debitadas automaticamente na conta corrente. Os limites de créditos liberados pela Caixa, por meio do Construcard, para os clientes  variam entre R$ 1 mil e R$ 180 mil. Para conseguir o crédito, é necessário ir em uma agência do banco.

O economista Pedro Andrade alerta, porém, que para o financiamento com mais tempo é necessário ponderar o impacto das prestações no orçamento. “Oito anos é muito tempo. Por esse motivo, é necessário fazer as contas da prestação e projetar esse custo a longo prazo”, ensina.
vendas Nesse período, as lojas estimam aumentos no percentual de venda. O home center Ferreira Costa, localizado na Avenida Paralela, por exemplo,  projeta um aumento de 12% nas vendas neste final do ano, comparado aos meses anteriores.

“Este momento é ideal para vender produtos para obras novas e reformas antes das festas de fim de ano e férias de janeiro. A Ferreira Costa possui diversos produtos das mais variadas marcas e preços, e está preparada para atender  a consumidores determinados a reformar e fazer melhorias em casa durante este período”, explica o gerente-geral da loja, Pedro Souto.

O cliente que comprar na Ferreira Costa poderá parcelar a compra em até seis vezes e, se optar por pisos, móveis e eletrodomésticos, o pagamento poderá ser feito em até 10 vezes sem juros. A loja também aceita outras linhas de crédito a exemplo do Construcard. “É a oportunidade para os clientes melhorarem o local onde vivem, modernizando e ampliando sua casa”, diz Souto.

Opções
A rede Comercial Ramos, além de oferecer linhas de crédito como a Construcard, investe em campanhas com doação de brindes para atrair clientes para reforma nesse período. “Temos a  campanha Dá de Dez com outros atrativos para os consumidores nesta época do ano. Com a promoção, os clientes têm a chance de concorrer a carros, televisores, bicicletas elétricas e motocicletas até maio de 2014”, relata Caio Andrade, diretor de marketing da Comercial Ramos.

Os limites de créditos liberados pela Caixa, por meio do Construcard, para os clientes  variam entre R$ 1 mil e R$ 180 mil

A rede tem a expectativa de crescimento de 7% nas vendas em todas as sete unidades, em relação ao mesmo período do ano passado. Somente na unidade da Avenida ACM, os meses de novembro e dezembro são responsáveis por aumentar as vendas em 40%.  A loja oferece ainda desconto de 5% na compra à vista (dinheiro ou cartão de débito), parcela em até 12 vezes no cartão Comercial Ramos, até 12 vezes sem juros, e 10 vezes nos outros cartões de crédito.

Correio 24 Horas