Combustível fica mais barato nos postos de Salvador

    20130829073633_gasolina-460-romildoO motorista soteropolitano está sendo surpreendido com a redução no preço da gasolina em alguns postos de combustíveis localizados em Salvador e Região Metropolitana desde o início da última semana do mês de agosto. nessa quarta-feira (28/8), o litro do produto para o consumidor final podia ser encontrado, em pelo menos três pontos de revenda por R$ 2,64 – valor R$ 0,21 menor do que o preço verificado no início da semana passada.

    Uma pesquisa realizada na quarta-feira pela reportagem da Tribuna constatou que o menor preço do litro da gasolina, encontrado em Salvador, foi de R$ 2,64. Já a mais cara estava no valor de R$ 3,09. A variação é de R$ 0,45, o equivalente a 17,5%, por litro. A princípio, a diferença pode parecer pequena, mas quando se faz as contas para encher um tanque de 50 litros o valor economizado chega a R$ 22,50. Com a diferença, o motorista que abasteceu com a gasolina a R$ 3,09 poderia colocar mais 8,5 litros se optasse pelo posto que vende a R$ 2,64.

    No posto Menor Preço da Rua Djalma Dutra a gasolina era vendida a R$ 2,64, e em outro posto, de mesma bandeira, na Avenida Vasco da Gama por R$ 2,66. Os estabelecimentos somente aceitam dinheiro como pagamento. A concorrência foi o motivo apontado pelos dois gerentes para o preço mais baixo do combustível fóssil do que a média dos postos na capital baiana.

    De acordo com o presidente do Sindicato do Comércio de Combustíveis da Bahia (Sindicombustíveis), José Augusto Costa, a diferença de preços e as promoções que ocorreram neste mês são resultado da concorrência e das leis de mercado. “O empresário está em guerra com o vizinho concorrente e baixa o preço. Isso não é combinado, ninguém ia combinar para baixar preço, porque não traria nenhuma vantagem”, afirma José Augusto Costa.

    Com a baixa no preço dos combustíveis alguns condutores estão aproveitando e enchendo o tanque dos veículos, pois não sabem até quando a competitividade ente os postos permanecerá.

    O advogado Emerson Djan aproveitou o valor de R$ 2,64 pelo litro da gasolina, no posto Menor Preço, na Djalma Dutra. “Não costumo abastecer aqui [Djalma Dutra], mas estava passando pela região, vi o preço promocional e resolvi abastecer antes que haja um novo aumento”, disse.

    A alta na cotação do dólar já aponta um cenário de aumento no valor da gasolina. “A possibilidade é bem presente, e o aumento deverá acontecer a médio ou até a curto prazo”, disse Augusto Costa. O reajuste dos combustíveis ainda neste ano é inevitável, na avaliação de representantes de algumas das principais entidades do setor de etanol. A Petrobras vem pleiteando um aumento nos preços da gasolina e do diesel para compensar a defasagem com o mercado internacional, mas o governo federal tem dado sinais divergentes sobre uma possível revisão nos próximos meses.

    Tribuna da Bahia