Criança de 3 anos é agredida a golpes de facão na BA por não querer tomar café

agredida-reproducaoUm contraste trágico. Uma agressão hedionda por um motivo banal chocou moradores da cidade de Jaguaquara na última quinta-feira (23). Uma criança de 3 anos do sexo feminino, foi agredida por golpes de facão pelo padrasto, por ter se recusado a tomar café. O fato aconteceu na cidade de Jaguaquara no sudoeste baiano.

O padrasto da vítima identificado como Renildo Plácido Reis, 23 anos, após o crime levou a criança para ser atendida no hospital da cidade e alegou que ela tivesse caído no povoado de Rio do Antonio, mesmo local onde ocorreu o fato, mas após os médicos identificarem o tipo ferimento na cabeça da criança, constatando que foi causado por arma branca acionaram a polícia. Preso na delegacia da cidade Renildo confessou o crime.

De acordo com informações de funcionários do hospital, publicadas no site, a criança levou vários pontos em três cortes na cabeça e foi liberada após atendimento médico. Por recomendação do Conselho Tutelar, a menina foi abrigada provisoriamente em uma casa de acolhimento para crianças e adolescentes, até que a Justiça decida pela guarda, pois a mãe ainda não apareceu.

Fonte: Aprochego (Foto: Ilustrativa / Google)