Doença contagiosa intriga médicos e já atinge mais de 21 cidades baianas

doencaMédicos e pesquisadores baianos investigam a origem de uma doença que já contagiou mais de 600 pessoas na Bahia. Os sintomas, que incluem pintas no corpo com coceira, dores nas articulações e febre, são parecidos com os da gripe e da dengue, mas exames de sangue descartaram as duas hipóteses.

Casos semelhantes foram diagnosticados em dezenove municípios da Bahia, que registrou os primeiros doentes em fevereiro. Em outros Estados do Nordeste, porém,  já há registros desde outubro do ano passado.

doencaswApesar do mistério, os médicos garantem que não há motivo para preocupação e recomendam que na dúvida o melhor é sempre procurar o posto de saúde.

Enquanto isso, pesquisadores da Universidade Federal da Bahia tentam descobrir porque a doença está se propagando. A principal hipótese é que se trate de um tipo de vírus ainda não identificado, provavelmente transmitido por algum mosquito no Brasil.

A forma em que a doença segue se propagando em todo o estado ascendeu o sinal de alerta. Já foram registrados casos em: Salvador, Cansanção, Queimadas, Euclides da Cunha, Itiúba, Monte Santo, Nordestina, Esplanada, Senhor do Bonfim, Ilhéus, Jequié, Camaçari, Quixabeira, Ipirá, Pé de Serra, Araci, Simões Filho, Vera Cruz, Jaguaripe, Paulo Afonso e Ponto Novo.

VEJA TAMBÉM:

Pesquisadores Identificam vírus causador de doença contagiosa que atinge a Bahia